Universidade de Aveiro desenvolve um drone de monitorização da saúde das florestas

0

Drone-UA-01-790x576Desenvolvida na Universidade de Aveiro (UA) a tecnologia acoplada ao veículo aéreo não tripulado (VANT) permite avaliar o grau de impacto de vários factores de stress numa área florestal, seja os causados pela falta de água ou de nutrientes, seja os provocados por doenças ou ataques de insectos e fungos.

A tecnologia baseia-se num sistema de monitorização em que imagens multiespectrais (imagens adquiridas em diferentes comprimentos de onda que resultam na captura separada de cores) são adquiridas através de um VANT de asa rotativa com propulsão eléctrica que transportará um sensor multiespectral.

O projecto, que numa primeira fase pretende mudar o paradigma da monitorização das florestas, que quando realizada é morosa e feita por técnicos no terreno, está já pensado para ser posto ao serviço de explorações agrícolas.

O trabalho dos investigadores da UA está inserido no projecto Low-flying Unmanned Aerial Forest Monitoring System, uma Iniciativa QREN (do financiamento UE/FEDER, através do COMPETE – Programa Operacional Factores de Competitividade), e envolve uma parceria com a empresa GeoAtributo especializada na gestão e ordenamento do território.

PCGuia

 




Sobre quem enviou a noticia

Sérgio Cipriano

Sérgio Cipriano

Natural de Gouveia e licenciado em Comunicação Multimédia pelo Instituto Politécnico da Guarda. Ingressou nos bombeiros com apenas 13 anos de idade e hoje ocupa o cargo de sub-chefe. É um dos fundadores da Associação Amigos BombeirosDistritoGuarda.com e diretor de informação do portal www.bombeiros.pt, orgão reconhecido pela Entidade Reguladora para a Comunicação Social.