Marinha norte-americana tem bombeiro robô humanoide

0
(Fonte: Exame Informática)

(Fonte: Exame Informática)

Investigadores mostraram um robô humanoide que poderá ajudar a apagar fogos a bordo dos navios da Marinha dos EUA.

O objetivo é criar brigadas de incêndio mistas, compostas de humanos e robôs disponíveis para intervir numa primeira iniciativa contra o fogo que deflagre a bordo. O robô humanoide foi mostrado numa feira da especialidade, mede 1,5 metros, pesa 65 quilos e anda sobre duas pernas. O SAFFiR, de Shipboard Autonomous Firefighting Robot vai ajudar a que os marinheiros não se tenham de expor à inalação de fumos e chamas, em incêndios que surjam nos navios. Os sensores como infravermelhos e detetores laser ajudam o SAFFiR a encontrar o foco do incêndio, mesmo em ambientes com muito fumo, as suas duas mão permitem abrir portas e manejar mangueiras, como se de um bombeiro de carne e osso se tratass, noticia oDiscover Magazine.

O robô SAFFiR já foi testado em novembro com sucesso, tendo conseguido apagar um pequeno fogo e vasculhado as instalações com os sensores térmicos. Numa segunda fase, os investigadores querem tornar o SAFFiR impermeável e à prova de fogo, duas características essenciais para que possa começar a ser usado na vida real.

Veja o vídeo com o robô bombeiro em ação.

(Fonte: Exame Informatica)




Sobre quem enviou a noticia

Ana Romaneiro

Ana Romaneiro

Nasceu em Évora onde cresceu e estudou. Desde muito cedo que partilha o gosto pela informática, que, a levou a tirar um curso profissional técnico de Gestão de Sistemas Informáticos, profissão que exerce na atualidade. A sua ligação aos bombeiros surge aos 13 anos ao entrar na fanfarra dos Bombeiros de Évora, onde permaneceu até 2013. Na atualidade integra a corporação os Bombeiros de Reguengos de Monsaraz, no posto de bombeira de 2º.