Sertã – Executivo aprovou voto de louvor a Rui Esteves

0

Na reunião do executivo municipal da Sertã realizada no passado dia 21 de dezembro em Pedrogão Pequeno, o executivo municipal aprovou um voto de louvor ao Comandante Distrital de Operações de Socorro de Castelo Branco, Rui Esteves, pelo modo com este tem comandado as forças de proteção civil no concelho, quando este é assolado por situações de risco.

“Ao longo dos anos o concelho da Sertã tem sido assolado por vários tipos de ocorrência, cheias e inundações, tornado e acidentes rodoviários e incêndios”, referenciou José Farinha Nunes, presidente da Câmara Municipal da Sertã.

O autarca considerou assim que “em cada ocorrência é evidente o empenho e a preocupação do Sr. Comandante Distrital para que as operações resultem na menor área ardida, garantindo sempre a segurança dos bombeiros presentes”.

A par deste facto, foi enaltecido o seu elevado compromisso em apoiar as Corporações dos Bombeiros Voluntários da Sertã e de Cernache do Bonjardim, tanto através de formação contínua e de aperfeiçoamento, como na aquisição de veículos, equipamento ou melhoria das infraestruturas, destacando-se também “a preocupação em deslocar para o local das ocorrências, num curto espaço de tempo, os meios necessários terrestres e aéreos para minimizar ao máximo as respetivas consequências”, continuou o autarca.

Há alguns dias foi aprovado um voto a todo o dispositivo de proteção civil, mas o comando não estava incluído. “Há uma eficiência e eficácia extraordinárias através da disponibilidade de meios, em minutos”, finalizou o edil sertaginense.

De recordar que em 2016 ocorreram 57 incêndios neste concelho e arderam 76 hectares de floresta.
Este voto de louvor foi aprovado por unanimidade.

Rádio Condestável




Sobre quem enviou a noticia

Ana Romaneiro

Ana Romaneiro

Nasceu em Évora onde cresceu e estudou. Desde muito cedo que partilha o gosto pela informática, que, a levou a tirar um curso profissional técnico de Gestão de Sistemas Informáticos, profissão que exerce na atualidade. A sua ligação aos bombeiros surge aos 13 anos ao entrar na fanfarra dos Bombeiros de Évora, onde permaneceu até 2013. Na atualidade integra a corporação os Bombeiros de Reguengos de Monsaraz, no posto de bombeira de 2º.