Bombeiros Torrejanos: resposta ao socorro e segurança continuam garantidos

0

(Bombeiros Torrejanos)

No passado dia 8 de dezembro, os Bombeiros Voluntários Torrejanos  participaram na reunião nacional de bombeiros que decorreu no CNEMA, em Santarém, reunião promovida e organizada pela Liga dos Bombeiros Portugueses (LBP).

Nesta reunião, discutiram-se mais uma vez as alterações que se têm reivindicado nos últimos tempos, e a última resolução do Conselho de Ministros de 25 de outubro.

As alterações legislativas aprovadas relativamente à reestruturação da Autoridade Nacional de Proteção Civil (ANPC) não compreendem diversas propostas dos bombeiros portugueses, nomeadamente quanto à criação de uma instituição autónoma para os Bombeiros, com uma direção nacional de bombeiros autónoma independente e com orçamento próprio.

Em todo este processo, o Governo não acolheu as propostas da LBP para os Bombeiros Voluntários, nomeadamente quanto à criação de carreiras profissionais, revisão da contagem do tempo de serviço e à criação do cartão social do bombeiro.

Entendemos que a reorganização proposta, com aumento dos comandos operacionais, não dará a resposta nem aumentará a eficácia à operacionalidade.

Na Reunião Nacional de Bombeiros e do Conselho Nacional da LBP, foi deliberado por unanimidade e aclamação de pé que a partir das 00h01 do dia 9 de dezembro, entre outras medidas, deixariam de ser reportadas as comunicações de ocorrências à ANPC (Comandos Distritais Operacionais).

Todas estas medidas serão mantidas até que o Governo reflita e consagre em Lei as legítimas reivindicações dos Bombeiros.

Lamentamos que em todo este processo o Governo não tenha ouvido os bombeiros de Portugal representados pela sua Liga.

Frisamos que esta decisão não compromete em nada a resposta dos Bombeiros.

O lema “vida por vida” continua a guiar a nossa ação e nenhuma chamada, independentemente da sua proveniência, ficará sem resposta.

A segurança de toda a população continua a ser garantida com a mesma eficácia e dedicação de sempre.

Esta é a nossa forma de nos manifestarmos.

Mas nunca conseguiríamos manifestar-nos à custa da segurança dos portugueses.

 

(Fonte: Bombeiros Torrejanos)




Sobre quem enviou a noticia

Daniel Rocha

Daniel Rocha

Nasceu na Guarda. Para além da vida de professor, dedica-se a muitas outras actividades. A sua ligação e gosto pelo mundo da imprensa levaram-no a ser colaborador da Rádio Altitude (Guarda) e do jornal Notícias de Gouveia (Gouveia).