Xavier Viegas dá um mês ao Governo para revelar parte reservada do relatório sobre Pedrógão Grande

0

O investigador Xavier Viegas, que coordenou a equipa que produziu a pedido do Governo o relatório sobre Pedrógão Grande, deu um mês ao Executivo para revelar capítulo que ainda está reservado.

O investigador Xavier Viegas, que coordenou a equipa que produziu a pedido do Governo o relatório sobre o incêndio de Pedrógão Grande, deu um mês ao Governo para revelar um capítulo de setenta páginas que até agora tem sido mantido em segredo, avança a RTP. Se não revelar, o próprio investigador poderá divulgar essa parte do documento.

O Ministério da Administração Interna tem recusado revelar o capítulo 6 do relatório produzido pela equipa de Xavier Viegas porque diz conter a identidade de algumas pessoas. Mas o investigador garante que não há referência à identidade de ninguém no referido capítulo, que o Ministério da Administração Interna já tem em posse há cerca de um mês.

Terá sido a própria ministra Constança Urbano de Sousa a pedir a censura do documento, alegadamente para proteger as identidades das vítimas.

A Associação das Vítimas do Incêndio de Pedrógão Grande não concordou, e terá chegado a ameaçar não comparecer ao encontro agendado com António Costa para a próxima quarta-feira se o documento não fosse divulgado integralmente.

No final, ambas as partes cederam. O capítulo 6 deveria ser disponibilizado assim que os nomes de todas as vítimas referidas fossem apagados, mas esta parte do documento ainda está por ser revelada.

In Observador

 




Sobre quem enviou a noticia

Sérgio Cipriano

Sérgio Cipriano

Natural de Gouveia e licenciado em Comunicação Multimédia pelo Instituto Politécnico da Guarda. Ingressou nos bombeiros com apenas 13 anos de idade e hoje ocupa o cargo de sub-chefe. É um dos fundadores da Associação Amigos BombeirosDistritoGuarda.com e diretor de informação do portal www.bombeiros.pt, orgão reconhecido pela Entidade Reguladora para a Comunicação Social.