Tribunal do Porto aceita providência de sapadores bombeiros contra 40 horas

0

sapadores do portoO Tribunal Fiscal e Administrativo do Porto aceitou a providência cautelar interposta pelo Sindicato Nacional de Bombeiros Profissionais contra a aplicação das 40 horas semanais na Câmara Municipal do Porto, revelou hoje a estrutura sindical.

A providência cautelar, refere comunicado, tinha como objetivo “impedir a aplicação das 40 horas semanais no Batalhão Sapadores Bombeiros do Porto, previstas na revisão do Código de Trabalho”.

O sindicato informa ainda que “levantará providências cautelares a todos os municípios que quiserem aplicar as 40 horas semanais sem consultar as estruturas sindicais”.

Fonte: Agência Lusa

About author

Mónica Costa

Mónica Costa

É natural de Tabuaço, licenciada em Comunicação e Relações Económicas e Mestre em Marketing e Comunicação. Foi jornalista na Rádio F até 2013 e apesar de nunca ter estado diretamente ligada ao mundo dos bombeiros, acompanhou sempre com um enorme respeito e admiração o seu trabalho. Na atualidade integra a equipa da Direção informativa do portal bombeiros.pt.