Seis bombeiros feridos e sete mortos em incêndio num edifício de 26 andares (com vídeo)

0

Sete pessoas morreram carbonizadas e seis bombeiros sofreram queimaduras num incêndio que começou na noite de sexta-feira num edifício de 26 andares na cidade de Bombaim, no oeste da Índia, informaram fontes oficiais.

O incêndio começou às 19:30 locais de sexta-feira no 12.º andar do edifício Mont Blanc, situado no bairro de luxo de Kemps Corner – no sul de Bombaim – e os bombeiros só o conseguiram controlar hoje de manhã.

Sete pessoas morreram carbonizadas e seis bombeiros sofreram queimaduras num incêndio que começou na noite de sexta-feira num edifício de 26 andares na cidade de Bombaim, no oeste da Índia, informaram fontes oficiais.

Segundo funcionários da administração local citados pelos meios de comunicação, alguns cadáveres ainda não puderam ser identificados devido ao grau das queimaduras.

As autoridades, segundo a agência local IANS, suspeitam que o incêndio começou devido a um curto-circuito num apartamento que estava em obras e se estendeu rapidamente devido à explosão de botijas de gás nos andares adjacentes.

Um responsável do Departamento de Bombeiros explicou à cadeia NDTV que as equipas de resgate conseguiram retirar os residentes dos andares abaixo do 12.º andar do edifício e que indicaram aos residentes dos andares superiores para subirem para a parte superior do edifício.

Segundo este canal, 14 veículos dos bombeiros chegaram ao local do incêndio, mas apenas um estava equipado com uma escada apta a subir até ao andar em chamas.

Na Índia, os incêndios em edifícios são muito comuns, especialmente em edifícios industriais, devido a deficiências da instalação elétrica e a quase inexistência de medidas elementares de segurança.

 

(Fonte: DN)

About author

Daniel Rocha

Daniel Rocha

Nasceu na Guarda, mas foi em Famalicão da Serra que cresceu e conheceu o mundo dos bombeiros integrando o corpo activo. É Licenciado em Línguas e Literaturas Modernas, variante de Estudos Portugueses, e possui um Curso de Especialização em Ensino de Português como Língua Estrangeira e Língua Segunda (PLELS), ambos na Faculdade de Letras da Universidade de Coimbra (FLUC). Para além da vida de professor, dedica-se a muitas outras actividades, entre as quais o teatro e a escrita, tendo publicado com alguma regularidade desde 2011. A sua ligação e gosto pelo mundo da imprensa levaram-no a ser colaborador da Rádio Altitude (Guarda) e do jornal Notícias de Gouveia (Gouveia).