Risco máximo de incêndio em seis distritos do interior

0

Restantes distritos do país têm concelhos em risco muito elevado e elavado.

Seis distritos do norte interior têm a maior parte dos seus concelhos com risco máximo de incêndio, de acordo com a previsão do Instituto Português do Mar e da Atmosfera (IMPA).

Os distritos em causa são os de Coimbra, Castelo Branco, Vila Real, Viseu, Bragança e Guarda.

Os restantes distritos têm concelhos em risco muito elevado ou elevado, sendo que os de Setúbal, Lisboa, Aveiro, Coimbra e Porto têm no seu litoral vários concelhor com risco moderado.

O risco de incêndio calculado pelo IPMA é determinado pelo IPMA e tem cinco níveis, que vão de reduzido a máximo.

Os cálculos são obtidos a partir da temperatura do ar, humidade relativa, velocidade do vento e quantidade de precipitação nas últimas 24 horas.

Por causa da manutenção do risco elevado de incêndios, o Exército e a Marinha têm reforçado até sexta-feira os contingentes no terreno para vigiar e prevenir fogos florestais.

Fonte: Correio da Manha / LUSA

About author

Paulo Reis

É natural e residente em Esmoriz, a sua vida profissional está ligada à indústria automóvel nestes últimos 25 anos como CAD Designer. É um dos fundadores da Rádio Voz de Esmoriz, onde apresentou o programa de rádio “Bombeiros em Missão”. Está ligado desde tenra idade aos Bombeiros de Esmoriz onde fez parte da orquestra do Grupo Cénico e hoje, ocupa o posto de Subchefe. Foi responsável pelo Grupo de Comunicação & Imagem dos BV Esmoriz e integrou a equipa do portal bombeirosdeportugal.com. É o responsável do Departamento de Relações Públicas do portal Bombeiros.pt