Quatro irmãos morrem em Luanda em incêndio provocado por uma vela

0
Imagem ilustrativa

Imagem ilustrativa

Um incêndio ocorrido esta quarta-feira em Luanda provocou a morte a quatro irmãos, todos menores, tendo o fogo deflagrado quando se encontravam sozinhos em casa.

Tudo terá acontecido na sequência de uma vela acesa que terá caído sobre um colchão de espuma, provocando o incêndio, cerca das 8 horas locais (7 horas em Portugal continental), numa altura em que os menores, de dois, quatro, seis e nove anos, tomavam o pequeno-almoço.

Duas das crianças morreram no local, tendo as restantes falecido no hospital com queimaduras de terceiro grau que atingiram 70% do corpo, informou a família, citada pela comunicação social.

O aumento de incêndios em residências na capital angolana, causados pelo mau uso de fontes luminosas e subcarga nas tomadas de eletricidade são uma preocupação para o Serviço Nacional de Proteção Civil e Bombeiros.

Segundo o porta-voz do comando provincial de Luanda, Faustino Mingueje, mais de 80% dos incêndios são provocados por velas, seguido dos curto-circuitos, por sobrecarga nas tomadas.

Faustino Mingueje sublinhou que apesar das campanhas de sensibilização realizada junto das comunidades, com realce para a periferia, zonas onde a falta de luz elétrica é bastante elevada, continuam a ser registadas “muitas mortes provocadas por incêndios”, que afetam sobretudo crianças.

Fonte: JN

 




Sobre quem enviou a noticia

Mónica Costa

Mónica Costa

É natural de Tabuaço, licenciada em Comunicação e Relações Económicas e Mestre em Marketing e Comunicação. Foi jornalista na Rádio F até 2013 e apesar de nunca ter estado diretamente ligada ao mundo dos bombeiros, acompanhou sempre com um enorme respeito e admiração o seu trabalho. Na atualidade integra a equipa da Direção informativa do portal bombeiros.pt.