Proteção Civil aciona alerta amarelo nos distritos de Beja e Faro devido a elevado risco de incêndio

0

A Autoridade Nacional de Proteção Civil (ANPC) colocou os distritos de Beja e Faro em alerta amarelo entre as 12:00 de hoje e as 20:00 de domingo devido ao risco de incêndio muito elevado.
Segundo a ANPC, o alerta amarelo, segundo nível menos grave de uma escala de quatro, foi acionado, tendo em conta as previsões meteorológicas de tempo quente e seco para os distritos de Beja e Faro, sendo necessário tomar medidas preventivas para diminuir o risco de incêndio.

O alerta amarelo pressupõe o reforço da monitorização e a intensificação, por parte do dispositivo de combate a incêndios florestais, de ações preparatórias com vista ao aumento do grau de prontidão, segundo a Proteção Civil.

Para os próximos dias, o Instituto de Meteorologia prevê tempo quente e seco para as regiões do interior sul, sendo que no Algarve o vento será moderado a forte de noroeste.

A ANPC adianta que os índices de risco de incêndio vão ser muito elevados para estas regiões, recordando que é proibido realizar queimadas ou fogueiras e lançar foguetes, bem como fazer lume ou fumar em espaços florestais e vias que os circundem.

A Proteção Civil sublinha também que é necessário a adequação de comportamentos e atitudes face à situação de perigo de incêndio, como a adoção das necessárias medidas de prevenção e precaução.

Face às previsões meteorológicas, a ANPC recomenda ainda à adoção de medidas de autoproteção por parte dos grupos populacionais mais vulneráveis, nomeadamente idosos, crianças, sem-abrigo e doentes do foro cardiorrespiratórias.

Fonte: Agência Lusa




Sobre quem enviou a noticia

Sérgio Cipriano

Sérgio Cipriano

Natural de Gouveia e licenciado em Comunicação Multimédia pelo Instituto Politécnico da Guarda. Ingressou nos bombeiros com apenas 13 anos de idade e hoje ocupa o cargo de sub-chefe. É um dos fundadores da Associação Amigos BombeirosDistritoGuarda.com e diretor de informação do portal www.bombeiros.pt, orgão reconhecido pela Entidade Reguladora para a Comunicação Social.