Primeiro serviço de ambulância para socorro animal lançado em Oeiras

0

O primeiro serviço 24 horas de ambulância do país que pretende transportar animais em situação de emergência será lançado no sábado, na Feira Animal, informou a autarquia de Oeiras.

Oeiras é o primeiro concelho do país a ter um protocolo com os bombeiros para disponibilizar um serviço 24 horas de ambulância para transportar animais em situação de emergência.

O novo serviço, chamado SOS PET, de acordo com o comunicado, estará “disponível para todos os centros de atendimento médico-veterinários do concelho, seus clientes e restantes munícipes de quatro patas”.

O SOS PET será apresentado na manhã do próximo sábado, na Feira Animal, que decorrerá no Jardim Municipal de Oeiras.

O serviço, segundo a nota da Câmara de Oeiras, atenderá variados casos de emergência, “designadamente animais atropelados” e também a “deslocação às clínicas veterinárias dos animais de companhia caso os donos não tenham disponibilidade/capacidade de se deslocar pelos próprios meios”.

“O veículo do SOS PET foi cedido pela autarquia e será gerido e operado pela referida corporação de bombeiros, nomeadamente por pessoal formado especificamente para o transporte de animais. Refira-se que, doze bombeiros tiraram o curso de primeiros socorros caninos numa empresa da especialidade veterinária com certificado internacional”, referiu a nota.

Este novo serviço, de acordo com o comunicado, “inclui-se no âmbito da política de bem-estar animal do município, que entende que deve contribuir também para a promoção dos cuidados veterinários e dos cuidados de saúde primários”.

O SOS PET estará disponível já a partir do mês de maio, acessível 24 horas por dia, através da linha de emergência dos Bombeiros Voluntários do Dafundo (21 419 60 84).

Fonte: tsf.pt

Foto: Carlos Manique / Global Imagens




Sobre quem enviou a noticia

Pedro Fonseca

Pedro Fonseca

É natural e residente em Gouveia, a sua vida profissional está ligada nestes últimos 18 anos à área de consultadoria em seguros. Em 2013 foi fundador da empresa LICATEL - Soluções em Telecomunicações onde é sócio/gerente. Desde tenra idade ingressou nas camadas jovens dos Bombeiros de Gouveia tendo permanecido alguns anos nos quadros, ultimamente passou pela Direcção da referida Instituição dinamizando a área de comunicação e imagem. Frequentou a licenciatura em Gestão de Marketing no IPAM de Aveiro. Passou por diversas Associações de Gouveia dando o seu contributo.