PJ detém suspeito de ter ateado incêndio florestal em Tabuaço

0

Imagem Ilustrativa

Detido, com 59 anos e jornaleiro, ateou incêndio a 2 de julho.

Um homem de 59 anos foi detido pela Polícia Judiciária fortemente indiciado pela prática do crime de incêndio florestal em Tabuaço, no distrito de Viseu, anunciou esta sexta-feira aquela força policial.

Em comunicado, a PJ explicou que o Departamento de Investigação Criminal de Vila Real, com a colaboração do Posto de Tabuaço da GNR, identificou e deteve um homem “suspeito de ter ateado um foco de incêndio em área florestal”, em Tabuaço, no distrito de Viseu.

O incêndio, que aconteceu em 02 de julho, consumiu uma área de mancha florestal constituída, maioritariamente, por mato, disse ainda.

“O foco de incêndio colocou em perigo área florestal, bem como várias habitações, de valor consideravelmente elevado, que apenas não foram consumidas devido à rápida intervenção dos populares e bombeiros”, realça o comunicado.

O detido, com 59 anos e jornaleiro, vai ser presente a interrogatório judicial para aplicação das medidas de coação tidas por adequadas, conclui a nota.

Fonte: Correio da Manha

 

About author

Paulo Reis

Paulo Reis

É natural e residente em Esmoriz, a sua vida profissional está ligada à indústria automóvel nestes últimos 25 anos como CAD Designer. É um dos fundadores da Rádio Voz de Esmoriz, onde apresentou o programa de rádio “Bombeiros em Missão”. Está ligado desde tenra idade aos Bombeiros de Esmoriz onde fez parte da orquestra do Grupo Cénico e hoje, ocupa o posto de Subchefe. Foi responsável pelo Grupo de Comunicação & Imagem dos BV Esmoriz e integrou a equipa do portal bombeirosdeportugal.com. É o responsável do Departamento de Relações Públicas do portal Bombeiros.pt