PERU | 53 alunos passaram exames para bombeiros voluntários | FOTORREPORTAGEM

0

tacna-compania-de-bomberos-con_r1tU8ve-jpg_654x469Os alunos passaram com sucesso os exames teóricos e práticos para tornarem-se bombeiros em breve.

Depois de mais de seis meses de preparação, um total de 53 alunos do Corpo de Bombeiros VIII pertencente ao Fire Marshal de nossa cidade passou com sucesso os exames teóricos e práticos para se tornar bombeiros. As avaliações no domingo tiveram lugar na empresa Ricardo Pérez Meneses localizado no Distrito de Pocollay, blocos para baixo da Universidade Privada de Tacna.

23 aulas teóricas ministradas na Escola Primária (ESBAS) 2015 foram avaliados em relação à sua mística fogo, história, regulação, comunicação, trabalho em equipe, segurança, técnicas de combate a incêndio, busca e salvamento, preservação da propriedade, o apoio básico de vida, entre outros. Os testes de campo sobre o uso adequado e utilização de equipamentos de protecção individual, a colocação adequada de aparelhos de respiração autônoma e descontrair, sinuoso e mangueiras de transporte de incêndio a uma distância de 20 metros também é pago, disse o coordenador e responsável pela 2015 ESBAS Brigadeiro CBP. Jorge Luis Zapata Orozco.

O director nacional da faculdade fogo, brigadeiro CBP Guiliana García Silva, esteve presente durante a tomada de exames finais.

Dos 53 alunos que passaram todas as avaliações, 52 pertencem às empresas localizadas na cidade de Tacna, enquanto o restante vem da província de Tarata. Essa equipe é adequado para atender as diversas situações de emergência que possam surgir na cidade, mas deve aguardar a sua resolução nacional emitida pela Geral Bombeiros Voluntários do Peru, que é creditado como seccionarios o grau em que começa um bombeiro na instituição.

O desenvolvimento de ESBAS 2015, do início ao fim foi conduzido pelo instrutor-chefe dos bombeiros em Tacna Brigadeiro Oscar Atencio.

Uma chamada para o pessoal tinha 136 pessoas entre homens e mulheres, e depois de ser avaliado com exames médicos, psicológicos e físicos eram 85 elegíveis quais receberam a respectiva formação teórica e prática para treinar como os bombeiros de Agosto 2015 a Janeiro de 2016. 

fonte: diariocorreo.pe

Sobre o autor

Pedro Fonseca

Pedro Fonseca

É natural e residente em Gouveia, a sua vida profissional está ligada nestes últimos 17 anos à área de consultadoria em seguros. Em 2013 foi fundador da empresa LICATEL - Soluções em Telecomunicações onde é sócio/gerente. Desde tenra idade ingressou nas camadas jovens dos Bombeiros de Gouveia tendo permanecido alguns anos nos quadros, ultimamente passou pela Direcção da referida Instituição dinamizando a área de comunicação e imagem. Frequentou a licenciatura em Gestão de Marketing no IPAM de Aveiro. Passou por diversas Associações de Gouveia dando o seu contributo.