Mogadouro: Bombeiras feridas transferidas para o hospital do Porto

0

ng4413534Duas bombeiras dos voluntários de Mogadouro, de 50 e 24 anos, ficaram feridas esta tarde quando combatiam um incêndio rural no Parque Natural do Douro Internacional. As bombeiras, que sofreram várias queimaduras foram helitransportadas para o Hospital de S. João, no Porto.

A bombeira de 50 anos sofreu queimaduras de segundo e terceiro grau nas pernas e braços, já a bombeira 24 anos, sofreu igualmente o mesmo grau de queimaduras, porem apenas nos membros inferiores, declarações do INEM a que o portal bombeiros.pt teve acesso.

Segundo a diretora do Centro de Saúde de Mogadouro, Maria da Luz Afonso, onde inicialmente as duas feridas foram assistidas e estabilizadas, a mulher de 50 anos apresenta queimaduras em 50 por cento da superfície corporal. Apesar da extensão das queimaduras, de segundo e terceiro grau, a responsável adiantou que, numa primeira análise, tudo indica que as vias respiratórias não foram afetadas.

Já a mulher de 24 anos, apresenta por seu lado, queimaduras de segundo e terceiro grau em 20 por cento da superfície corporal. Segundo Maria da Luz Afonso, de acordo com a avaliação feita no centro de saúde as operacionais não correm risco de vida.

O incêndio, que teve início naquele parque natural por volta das 13 horas, em Bruçó, Mogadouro, alastrou, para a freguesia vizinha de Castelo Branco e está a ser combatido por 152 bombeiros, apoiados por 56 viaturas e quatro aviões que deverão recolher dentro em breve às suas bases (dados atualidados 20:20)

Em comunicado à redação do portal bombeiros.pt, a Liga dos Bombeiros Portugueses refere que “…está a acompanhar a evolução do estado de saúde das duas bombeiras da Associação Humanitária dos Bombeiros Voluntários de Mogadouro…” manifestando no entanto “o seu desejo de rápidas melhoras para ambas.”

O portal bombeiros.pt tentou obter reações do comandante dos bombeiros voluntários de Mogadouro, mas não foi possível o contacto.

Bombeiros.pt/Lusa/JN

 




Sobre quem enviou a noticia

Sérgio Cipriano

Sérgio Cipriano

Natural de Gouveia e licenciado em Comunicação Multimédia pelo Instituto Politécnico da Guarda. Ingressou nos bombeiros com apenas 13 anos de idade e hoje ocupa o cargo de sub-chefe. É um dos fundadores da Associação Amigos BombeirosDistritoGuarda.com e diretor de informação do portal www.bombeiros.pt, orgão reconhecido pela Entidade Reguladora para a Comunicação Social.