Ministro revela que “este ano” 78 corpos de bombeiros voluntários vão ter equipas profissionais

0

Eduardo Cabrita anunciou ontem que “Setenta e oito municípios do país não dispõem de equipas profissionais nos bombeiros voluntários e passarão a tê-las”.

Segundo noticiam vários órgãos, o Ministro admite criar “este ano” equipas profissionais nos corpos de bombeiros voluntários de 78 municípios que integram áreas consideradas prioritárias, não havendo, aparentemente, uma data concreta para que tal aconteça.

A intenção do Governo, em resposta ao “cerrar de fileiras” de todos os corpos de bombeiros do país (bem expresso nos vários comunicados das Federações de Bombeiros onde estas afirmam a indisponibilidade das Associações Humanitárias de integrar o DECIF 2018 até que as reivindicações dos bombeiros voluntários sejam aceites), será a de criar equipas profissionais nos corpos de bombeiros voluntários segundo um “critério prioritário”.

Na informação prestada ontem por Eduardo Cabrita aos jornalistas não foi feita qualquer menção a prazos para a efectivação desta promessa.

O Portal Bombeiros.pt está a tentar obter informações que possam esclarecer os prazos e quais os corpos de bombeiros que receberão estas equipas.

 




Sobre quem enviou a noticia

Daniel Rocha

Daniel Rocha

Nasceu na Guarda, mas foi em Famalicão da Serra que cresceu e conheceu o mundo dos bombeiros integrando o corpo activo. É Licenciado em Línguas e Literaturas Modernas, variante de Estudos Portugueses, e possui um Curso de Especialização em Ensino de Português como Língua Estrangeira e Língua Segunda (PLELS), ambos na Faculdade de Letras da Universidade de Coimbra (FLUC). Para além da vida de professor, dedica-se a muitas outras actividades, entre as quais o teatro e a escrita, tendo publicado com alguma regularidade desde 2011. A sua ligação e gosto pelo mundo da imprensa levaram-no a ser colaborador da Rádio Altitude (Guarda) e do jornal Notícias de Gouveia (Gouveia).