Menos 17 mortos nas estradas nos primeiros sete meses do ano mas mais 68 feridos graves

0

Acidente na Marginal em OeirasOs acidentes de viação nas estradas de Portugal Continental provocaram 254 mortos, 1.117 feridos graves e 19.150 feridos ligeiros nos primeiros sete meses do ano. Estes números traduzem uma redução de 17 vítimas mortais face a igual período no ano passado, mas aumentos no número de feridos graves (+68) e um decréscimo nos feridos ligeiros (-1.042), indicam os dados provisórios divulgados esta terça-feira pela Autoridade Nacional de Segurança Rodoviária (ANSR).

Os distritos com maior número de vítimas mortais são Lisboa e Porto, ambos com 27 mortes, embora tenham registado descidas na mortalidade: -3 em Lisboa e -2 no Porto. Segue-se Coimbra, com 21 óbitos, mais sete do que no ano passado.

Os distritos da Guarda, com cinco vítimas mortais, e Portalegre, com seis mortes, são os que apresentam menor número de fatalidades.

O número de acidentes aumentou em 298, cifrando-se em 65.291, com Lisboa, Porto e Braga a representarem quase metade do total.

Fonte:Diário Digital

 




Sobre quem enviou a noticia

Mónica Costa

Mónica Costa

É natural de Tabuaço, licenciada em Comunicação e Relações Económicas e Mestre em Marketing e Comunicação. Foi jornalista na Rádio F até 2013 e apesar de nunca ter estado diretamente ligada ao mundo dos bombeiros, acompanhou sempre com um enorme respeito e admiração o seu trabalho. Na atualidade integra a equipa da Direção informativa do portal bombeiros.pt.