Mau tempo já motivou mais de cem ocorrências

0

Mau tempo1No Porto, a Feira do Livro não abriu esta terça-feira. A maior parte dos incidentes têm a ver com inundações na via pública.

Desde que se accionou o estado de alerta em seis distritos do continente, às 20h00 de segunda-feira, a Protecção Civil já registou um total de 122 ocorrências relacionadas com o mau tempo.

Como se esperava, os distritos do Litoral Norte estão a ser os mais afectados pela chuva e vento fortes.

Embora sem casos particularmente graves, o Porto tem nesta altura 28 ocorrências registadas, Aveiro 26, Braga 20, e Viana do Castelo 11.

As situações mais comuns têm sido as inundações na via publica e em residências, com 44 casos registados, seguidas das quedas de árvores e de estruturas e ainda três dezenas de casos em que os bombeiros foram chamados para limpar e desimpedir estradas.

O mau tempo está a afectar a Feira do Livro do Porto. A autarquia e a Protecção Civil decidiram em conjunto que será mais prudente manter aquele espaço encerrado, embora se mantenham algumas iniciativas da Programação Cultural, como por exemplo a que está prevista para esta noite na Biblioteca Municipal Almeida Garrett.

O Instituto Português do Mar e da Atmosfera (IPMA) colocou hoje sob aviso vermelho os distritos de Viana do Castelo, Braga, Porto e Vila Real. De acordo com um comunicado, o agravamento das condições para os próximos dias, especialmente para hoje, deve-se à passagem de uma depressão centrada hoje a norte dos Açores.

A Autoridade Nacional de Protecção Civil (ANPC) alertou, por sua vez, para “um agravamento excepcional” das condições meteorológicas no Norte e Centro nos próximos três dias, com chuva forte, ondas até quatro metros e vento com rajadas até 130 quilómetros/hora.

Fonte: RR –  Celso Paiva Sol




Sobre quem enviou a noticia

Paulo Reis

Paulo Reis

É Natural e residente em Esmoriz, a sua vida profissional está ligada à indústria automóvel nestes últimos 18 anos como CAD Designer. É um dos fundadores da Rádio Voz de Esmoriz, onde atualmente, apresenta o programa de rádio “Bombeiros em Missão”. Está ligado desde tenra idade aos Bombeiros de Esmoriz onde fez parte da orquestra do Grupo Cénico e hoje, ocupa o posto de Bombeiro de 1ª. É na atualidade responsável pelo Grupo de Comunicação & Imagem da corporação e integrou a equipa do portal bombeirosdeportugal.com.