Liga de bombeiros alertou hoje para mensagens falsas

0

Em comunicado à imprensa, a Liga dos Bombeiros Portugueses (LBP) alertou hoje para as mensagens falsas enviadas de um endereço que se faz crer ser da confederação (opinião.lbp@gmail.com) e através do qual, diz em comunicado, “também se pretende fazer crer estar a LBP na organização” de um pretenso encontro de comandantes sugerido para o próximo sábado, 27 de Janeiro, em Fátima, o que é também falso.

No mesmo comunicado pode ainda ler-se ainda que a LBP é totalmente “alheia a tal iniciativa” e alerta para estas más práticas, cujos autores, segundo a Liga “já estão identificados”.

Para alem de lamentar a má-fé desta iniciativa, Jaime Marta Soares, presidente do organismo, faz saber que a informação falsa já foi “denunciada às instâncias judiciais, nomeadamente ao Ministério Público.”

A LBP apela aos dirigentes, comandos e bombeiros para que não se deixem confundir por mensagens falsas que, sob a capa de uma pretensa unidade, na verdade pretendem é fomentar a confusão que, só a outros mas não aos bombeiros, poderá beneficiar.

O portal bombeiros.pt também recebeu essa informação e deixa-a aqui transcrita na integra.

——– MENSAGEM FALSA ——–

Bom dia.

Dia 27JAN18, sábado, pelas 12h30m, irá realizar-se um encontro de Comandantes de Corpos de Bombeiros, oriundos de todos os Distritos, na localidade de Fátima.

Este é o segundo encontro, sobre o tema: “Pelos Bombeiros…Pela Verdade…”, onde os Comandantes dos Corpos de Bombeiros abordarão as várias temáticas do sector, sem esquecer a análise do ano transato, bem como, as perspetivas para o ano que agora começa, que, ao que se sabe, nada abona a favor dos Bombeiros de Portugal, tendo por base todas as notícias vinculadas, além dos documentos oficiais conhecidos, onde não se encontra mencionado qualquer tipo de investimento relevante para o sector.

Um outro tema, que está na base da preocupação dos Comandantes, é a forma como os Bombeiros, na sua grande maioria, voluntários, não são estimulados e permanecer nos Corpos de Bombeiros, uma vez que, a ausência de incentivos aos voluntários é notória e permanente, ao longo dos anos, onde se destaca o valor pago pela participação no DECIF, atrasos nos pagamentos, entre outras questões, como o tempo de contagem de serviço e sua majoração para efeitos de reforma, a formação disponibilizada pela ENB, sem esquecer do programa de instalações de EIP´s, que esteve parado durante vários anos, sendo que, agora retomado, não vais chegar a todos os Corpos de Bombeiros, criando aqui um tratamento deferencial provocado pela tutela, uma vez que, não existem apenas 308 Corpos de Bombeiros no País.

Com os melhores cumprimentos,




Sobre quem enviou a noticia

Sérgio Cipriano

Sérgio Cipriano

Natural de Gouveia e licenciado em Comunicação Multimédia pelo Instituto Politécnico da Guarda. Ingressou nos bombeiros com apenas 13 anos de idade e hoje ocupa o cargo de sub-chefe. É um dos fundadores da Associação Amigos BombeirosDistritoGuarda.com e diretor de informação do portal www.bombeiros.pt, orgão reconhecido pela Entidade Reguladora para a Comunicação Social.