Hospital da Guarda vai dar formação sobre incêndios

0

ulsFoi a condição para o edifício abrir.

Um programa obrigatório de 70 horas de formação para directores, coordenadores e chefias e um de 30 para os restantes funcionários é a contrapartida exigida pela Autoridade Nacional de Protecção Civil para ter autorizado a abertura do novo edifício do Hospital da Guarda.

Todos os trabalhadores vão ter que aprender matérias como “fenomenologia, classes, química e física do fogo, produtos de combustão, desenvolvimento e propagação de incêndios e mecanismos de extinção”.

Fonte: Rádio Altitude

 

 




Sobre quem enviou a noticia

Mónica Costa

Mónica Costa

É natural de Tabuaço, licenciada em Comunicação e Relações Económicas e Mestre em Marketing e Comunicação. Foi jornalista na Rádio F até 2013 e apesar de nunca ter estado diretamente ligada ao mundo dos bombeiros, acompanhou sempre com um enorme respeito e admiração o seu trabalho. Na atualidade integra a equipa da Direção informativa do portal bombeiros.pt.