Homem morre carbonizado num incêndio

0

Um homem morreu, esta sexta-feira, carbonizado na sequência de um incêndio num terreno junto ao cemitério de Alcafozes, em Idanha-a-Nova, disse o Comando Distrital de Operações e Socorro (CDOS) de Castelo Branco.

incendio urbanoDe acordo com o CDOS de Castelo Branco, o alerta foi dado cerca das 20.45 horas e compareceram no local os Bombeiros Voluntários de Idanha-a-Nova, com duas viaturas e sete homens, a GNR de Idanha-a-Nova e a viatura médica de emergência e reanimação (VMER) de Castelo Branco.

Os bombeiros encontraram no local o cadáver já carbonizado de um homem com cerca de 80 anos.

Contactada pela Lusa, a GNR de Idanha-a-Nova não adiantou mais pormenores nem as presumíveis causas que estiveram na origem desta morte, uma vez que os militares se encontram ainda no local.

Fonte. Jn.pt




Sobre quem enviou a noticia

Ângelo Santos

Ângelo Santos

E natural do Porto e criado em Gondomar, assume-se como um “tripeiro de gema” pela forte influência e proximidade à cidade do Porto. Nasceu praticamente no seio dos bombeiros derivado à presença de familiares nas fileiras, onde de perto acompanhou a sua evolução e ganhou gosto pela causa. Integra na atualidade o corpo de bombeiros de Valbom no Concelho de Gondomar, onde exerce funções de bombeiro de 2º, com vínculo profissional de Operador de Comunicações. Fez ainda parte do projeto bombeirosdeportugal.com.