GNR vai passar a combater incêndios em todo o país

0

O ministro da Administração Interna anunciou que a formação de 600 novos militares arranca na próxima semana.

O ministro da Administração interna, Eduardo Cabrita, anunciou que a Guarda Nacional Republicana (GNR) vai participar no combate aos incêndios em todo o país. A intervenção da GNR neste domínio, que, atualmente, só existe em 11 distritos, vai ser alargada a todo o território nacional.

Eduardo Cabrita esteve, esta segunda-feira, numa zona do interior do concelho de Portimão, a assistir a trabalhos de limpeza de mato, tarefa do dispositivo de Proteção Civil.

O ministro da Administração Interna adiantou ainda que irá começar já na próxima semana a formação dos militares da GNR que vão reforçar as equipas de combate aos incêndios, no verão.

“Entrarão em formação na próxima semana, em Portalegre, 600 novos elementos da Guarda Nacional Republicana, que vão permitir à GNR mobilizar 500 elementos para o Grupo de Intervenção de Proteção e Socorro, que passarão a fazer ataque inicial [aos fogos] em todo o país (…) e a dispor também de companhias de ataque ampliado, e mais 100 elementos para a estrutura de proteção da natureza e do ambiente”, disse Eduardo Cabrita.

TSF




Sobre quem enviou a noticia

Ana Romaneiro

Ana Romaneiro

Nasceu em Évora onde cresceu e estudou. Desde muito cedo que partilha o gosto pela informática, que, a levou a tirar um curso profissional técnico de Gestão de Sistemas Informáticos, profissão que exerce na atualidade. A sua ligação aos bombeiros surge aos 13 anos ao entrar na fanfarra dos Bombeiros de Évora, onde permaneceu até 2013. Na atualidade integra a corporação os Bombeiros de Reguengos de Monsaraz, no posto de bombeira de 2º.