Glassdrive recebeu mais que uma chamada por minuto após erro da Proteção Civil

0

MENSAGEM CORRETA

A Glassdrive, empresa de reparação de vidros, recebeu mais de 250 chamadas telefónicas, entre as 8 e as 11 horas, na sequência do lapso desta quinta-feira da Autoridade Nacional da Proteção Civil, tendo sido sugerido por SMS o número da Glassdrive para as pessoas recorrerem em caso de dúvida devido ao risco máximo de incêndio.

Em comunicado, o administrador da empresa, Licínio Nunes, explicou que, apesar do número ter sido corrigido numa outra mensagem enviada posteriormente, as chamadas continuaram a cair, dado que os cidadãos “não se aperceberam” qual era a retificação.

“Bombeiros, jornalistas… Já ligaram muitas pessoas. Tem sido uma manhã agitada”, sublinhou Licínio Nunes, que diz ter sido incomportável atender todas as chamadas. No comunicado é ainda reforçado o número correto é o 800246246, pertencente à Autoridade Nacional de Proteção Civil.

Em comunicado, ao qual o portal bombeiros.pt teve acesso, a Autoridade Nacional da Proteção Civil referiu que “lamenta o ocorrido, bem como os eventuais incómodos causados e apresenta desculpas aos cidadãos e à empresa em causa.”

Tendo sido detetado o lapso no número telefónico constante no SMS, destinado a esclarecimentos complementares, a ANPC ordenou que fosse corrigido, tendo as operadoras móveis remetido um novo SMS com o número retificado.

CM / Bombeiros.pt




Sobre quem enviou a noticia

Sérgio Cipriano

Sérgio Cipriano

Natural de Gouveia e licenciado em Comunicação Multimédia pelo Instituto Politécnico da Guarda. Ingressou nos bombeiros com apenas 13 anos de idade e hoje ocupa o cargo de sub-chefe. É um dos fundadores da Associação Amigos BombeirosDistritoGuarda.com e diretor de informação do portal www.bombeiros.pt, orgão reconhecido pela Entidade Reguladora para a Comunicação Social.