Fuga de gás virou do avesso centro de Matosinhos

0

Uma fuga de gás pôs, esta segunda-feira à tarde, em polvorosa uma das zonas mais movimentadas da cidade de Matosinhos. Vários prédios foram evacuados por precaução e o trânsito esteve impedido durante três horas na zona da rotunda da fonte luminosa. O problema foi resolvido cerca das 20.15 horas.

1329-VETA1 leixõesA fuga de gás foi causada por uma obra de instalação de cabo ótico, da Vodafone, a cargo da empresa CME, junto à rotunda da fonte luminosa, provocando caos rodoviário nas avenidas D. Afonso Henriques, Menéres e Vilagarcia de Arosa, que ali desembocam.

Por razões de segurança, foram evacuados cinco edifícios: os números 797, 863, 1195 e 1136 (duas entradas) da Avenida Menéres e o número 1124 da Avenida D. Afonso Henriques, não estando quantificado o número de pessoas retiradas dos mesmos. Depois das 21.15 horas, os moradores puderam regressar a casa e o trânsito foi reaberto.

De acordo com Alfredo Rocha, comandante dos Bombeiros Voluntários de Leixões, a fuga não representou perigo para o local. Todavia, “por precaução”, foram inspecionadas as zonas de restauração dos estabelecimentos comerciais em redor.

Dezenas de pessoas juntaram-se no local, a ver as equipas de socorro em ação, e vários veículos foram rebocados pela Polícia, por estarem dentro do perímetro de segurança delineado.

Além dos Bombeiros de Leixões e da PSP, estiveram no local a Proteção Civil, a Polícia Municipal e o INEM. Ninguém teve de receber assistência médica.

 (fonte: jn.pt)

About author

Ângelo Santos

Ângelo Santos

E natural do Porto e criado em Gondomar, assume-se como um “tripeiro de gema” pela forte influência e proximidade à cidade do Porto. Nasceu praticamente no seio dos bombeiros derivado à presença de familiares nas fileiras, onde de perto acompanhou a sua evolução e ganhou gosto pela causa. Integra na atualidade o corpo de bombeiros de Valbom no Concelho de Gondomar, onde exerce funções de bombeiro de 2º, com vínculo profissional de Operador de Comunicações. Fez ainda parte do projeto bombeirosdeportugal.com.