Fortes rajadas de vento dificultam o combate

0

Fortes rajadas de vento sentidas no norte e centro do país dificultam o trabalho dos mais de dois mil operacionais que combatem cerca de 60 incêndios.

A maior atenção dos bombeiros e demais operacionais é o controlo efectivo dos incêndios e a execução de um bom trabalho de rescaldo, tendo em vista a total supressão dos focos de incêndios.

Assim, continuam por controlar 21 incêndios, 13 dos quais não estão ainda circunscritos.

São 1977 operacionais, apoiados por 555 viaturas e 32 meios aéreos, que, no terreno, enfrentam o calor, a baixa humidade e o vento forte de forma a tentarem a extinção destes incêndios.

 

 




Sobre quem enviou a noticia

Daniel Rocha

Daniel Rocha

Nasceu na Guarda. Para além da vida de professor, dedica-se a muitas outras actividades. A sua ligação e gosto pelo mundo da imprensa levaram-no a ser colaborador da Rádio Altitude (Guarda) e do jornal Notícias de Gouveia (Gouveia).