EUA: Fuga de gás na origem da explosão que causou dois mortos e o desabamento de dois prédios

0

foto jnUma fuga de gás esteve na origem da explosão que causou o desabamento de dois prédios, esta quarta-feira, em Nova Iorque, nos EUA, confirmou o mayor da cidade, Bill de Blasio. A explosão provocou um incêndio e uma gigantesca nuvem de fumo, em East Harlem, Mannhattan. Há pelo menos dois mortos, 16 feridos, entre os quais quatro em estado grave. As autoridades acreditam poder haver mais vítimas mortais.

“Hoje, pelas 9.30 horas (13.30, em Portugal Continental), uma grande explosão destruiu dois prédios. A explosão foi provocada por uma fuga de gás”, disse Bill de Blasio, numa conferência de imprensa, no local do acidente, em Est Harlem, no norte de Manhattan.

“É uma terrível tragédia, porque não tivemos hipótese de salvar estas vidas. Sabemos que perdemos duas pessoas. E que, de momento, há 18 feridos”, acrescentou, precisando que estão 250 bombeiros no local.

 Segundo o “New YorK Post”, as vítimas mortais são duas mulheres

 “Havia seis andares no prédio e cada andar tinha um apartamento”, explicou. Na noite de ontem, os moradores sentiram o cheiro a gás, mas como o odor desapareceu, foram dormir.

 Suspensa circulação de metro e comboio

 “Houve uma explosão e um prédio colapsou”, disse o porta-voz da polícia de Nova Iorque, citado pela France Presse, sem adiantar mais detalhes.

 “Fomos informados pelas 9.34 horas (13.34, em Portugal Continental). Trata-se um prédio residencial. Os bombeiros de Nova Iorque estão atualmente a combater o fogo”, acrescentou a fonte da polícia.

As chamas impedem para já as buscas no interior do edifício.

 Os edifícios que colapsaram situam-se junto das vias que ligam a cidade de Nova Iorque aos subúrbios no norte. A circulação está suspensa em todas as linhas de comboio da estação Grand Central.

A circulação de metro está também suspensa.

Cheiro a gás

A empresa de gás e eletricidade ConEdison, revelou, no twitter, que recebeu um alerte de cheiro a gás para o número 1652 de Park, pelas 9.13 horas. Duas equipas da companhia que cobre a maior parte de Nova Iorque, foram enviadas ao local, tendo chegado logo após a explosão.

Fonte:JN




Sobre quem enviou a noticia

Mónica Costa

Mónica Costa

É natural de Tabuaço, licenciada em Comunicação e Relações Económicas e Mestre em Marketing e Comunicação. Foi jornalista na Rádio F até 2013 e apesar de nunca ter estado diretamente ligada ao mundo dos bombeiros, acompanhou sempre com um enorme respeito e admiração o seu trabalho. Na atualidade integra a equipa da Direção informativa do portal bombeiros.pt.