Entrou em vigor a isenção de IRS para bombeiros voluntários

2

bombeiros_hdrOs bombeiros voluntários que prestem serviço durante o período de férias no combate aos incêndios florestais no Verão beneficiam agora de um regime de isenção de IRS sobre parte dos rendimentos. 

Em declarações à TSF, Jaime Marta Soares, presidente da Liga dos Bombeiros Portugueses, diz que o novo regime é, acima de tudo, um «sinal de respeito» para com os bombeiros voluntários.

O regime, pedido há 22 anos, foi agora publicado ontem em Diário da República e está em vigor a partir de hoje (27 de Julho de 2013).

Assim, os bombeiros voluntários que prestem serviço durante o período de férias e descanso no combate aos incêndios florestais no verão vão ter benefícios no pagamento do IRS.

De acordo com o documento, «o IRS não incide sobre as compensações e subsídios, referentes à atividade voluntária, postos à disposição dos bombeiros pela Autoridade Nacional de Proteção Civil e pagos pelas respetivas entidades detentoras de corpos de bombeiros, no âmbito do dispositivo especial de combate a incêndios florestais e nos termos do respetivo enquadramento legal».

A lei reconhece ainda uma isenção de IRS para as bolsas recebidas por atletas de alto rendimento desportivo e pelos seus treinadores.

 

Fonte: TSF

About author

luis.andrade

luis.andrade

É natural da Guarda e Licenciado em enfermagem, tendo obtido também uma pós-graduação em Urgência e Emergência Hospitalar e uma pós-licenciatura de Especialização em Enfermagem em Saúde Mental e Psiquiatria. Durante a frequência do curso de licenciatura em enfermagem, colaborou, como voluntário, na delegação da Guarda da Cruz Vermelha Portuguesa. Na atualidade exerce a profissão de enfermeiro no Funchal e integra a corporação dos Bombeiros Madeirenses, onde ocupa o posto de subchefe equiparado.

  • bombeiroaveiro

    E os que durante o resto ano fazem serviço, não merecem… devem ser Bombeiros de 2 categoria. Ganda treta…. Vergonha!!!

  • bombeirocoimbroes

    deves tar a falar dos q só aparecem para as comemoraçoes ou dos q faltam constantemente aos turnos. não, não merecem esses