Dominados os incêndios de Nisa e Pampilhosa da Serra

0

incendio seia noiteOs dois incêndios estavam activos desde o início da tarde de segunda-feira. Centenas de operacionais continuam no terreno.

Está dominado o incêndio que esteve activo no concelho de Nisa, distrito de Portalegre, desde as 15h00 de segunda-feira. As chamas estiveram perto da localidade de Montalvão. 

Apesar da área ardida ainda não ter sido contabilizada, o Comandante Belo Costa disse à Renascença que este incêndio “evoluiu com grande violência”, atingindo grandes proporções e consumindo vários hectares de mato, floresta e pasto. 

“Neste momento decorrem as operações de rescaldo e vigilância vão durar todo o dia, com o apoio de 255 efectivos e 81 veículos”, indica.

Ao início da madrugada, os bombeiros conseguiram também dominar as chamas em Pampilhosa da Serra, no distrito de Coimbra. 

Este fogo começou pela hora do almoço de segunda-feira e chegou a mobilizar mais de 500 operacionais, incluindo bombeiros de Lisboa, Porto e Guarda, que foram chamados para reforçar o dispositivo. 

“O pior já passou”, disse à Renascença o comandante Carlos Tavares, do Centro de Operações de Socorro de Coimbra. “Estamos quase a entrar em fase rescaldo, com 284 operacionais e 93 veículos ainda no terreno”. 

“Tivemos algumas populações em perigo, mas não se regista qualquer dano físico ou material”, garante o comandante Carlos Tavares. 

Durante a tarde, as chamas, atiçadas pelo vento que soprava com intensidade, estiveram na rota de várias aldeias e levaram à evacuação parcial e temporária da localidade de Foz do Ribeiro, na freguesia de Cabril. 

RR

 




Sobre quem enviou a noticia

Sérgio Cipriano

Sérgio Cipriano

Natural de Gouveia e licenciado em Comunicação Multimédia pelo Instituto Politécnico da Guarda. Ingressou nos bombeiros com apenas 13 anos de idade e hoje ocupa o cargo de sub-chefe. É um dos fundadores da Associação Amigos BombeirosDistritoGuarda.com e diretor de informação do portal www.bombeiros.pt, orgão reconhecido pela Entidade Reguladora para a Comunicação Social.