Dois incêndios concentram a atenção dos bombeiros portugueses

0
Imagem Ilustrativa

Imagem Ilustrativa

O incêndio que consome povoamento florestal na freguesia de Midões, em Tábua, possui uma frente activa, onde as acções dos bombeiros estão a ser dificultadas pela dificuldade dos acessos, segundo a página oficial do Autoridade Nacional de Protecção Civil.

Num combate onde estão envolvidos 182 bombeiros, existem ainda 50 meios terrestres e 1 meio aéreo (um helicóptero pesado estacionado em Santa Comba Dão – Viseu).

Outro incêndio que concentra as atenções ocorre em Vieira do Minho, no distrito de Braga. Neste momento possui duas frentes activas e está a ser combatido por cinquenta bombeiros, apoiados por 17 viaturas terrestres e 2 meios aéreos.

De acordo com informação disponibilizada às 15:35 na página da Autoridade Nacional da Proteção Civil, hoje deflagraram 88 incêndios rurais e florestais, três dos quais se mantêm ativos, estando a ser combatidos por um total de 232 operacionais, apoiados por 67 viaturas e 3 meios aéreos.

 

 




Sobre quem enviou a noticia

Daniel Rocha

Daniel Rocha

Nasceu na Guarda, mas foi em Famalicão da Serra que cresceu e conheceu o mundo dos bombeiros integrando o corpo activo. É Licenciado em Línguas e Literaturas Modernas, variante de Estudos Portugueses, e possui um Curso de Especialização em Ensino de Português como Língua Estrangeira e Língua Segunda (PLELS), ambos na Faculdade de Letras da Universidade de Coimbra (FLUC). Para além da vida de professor, dedica-se a muitas outras actividades, entre as quais o teatro e a escrita, tendo publicado com alguma regularidade desde 2011. A sua ligação e gosto pelo mundo da imprensa levaram-no a ser colaborador da Rádio Altitude (Guarda) e do jornal Notícias de Gouveia (Gouveia).