Dívidas da Saúde: Liga ultrapassa situação grave em reunião com ministro

0

Imagem Ilustrativa

Fonte da Liga dos Bombeiros Portugueses (LBP) refere em comunicado que o Ministério da Saúde (MS) vai disponibilizar 3,4 milhões de euros destinados a pagamentos imediatos a associações e corpos de bombeiros prejudicadas pelos graves atrasos existentes.

Segundo a mesma fonte o ministério “libertará ainda mais 3,8 milhões até final do mês em curso para o mesmo efeito.”

Este é o resultado da reunião desta manhã entre o presidente da Liga dos Bombeiros Portugueses (LBP), o ministro da Saúde e o secretário de estado Adjunto e do mesmo ministério.

O bombeiros.pt sabe que só do Centro Hospitalar Universitário de Coimbra vão ser libertados 900 mil euros, sendo que, o presidente da LBP acordou também com o ministro a possibilidade de existir uma plataforma informática através da qual seja possível às associações e corpos de bombeiros acompanharem o processo de facturação, desde a emissão, conferência e sua validação final para pagamento.

Para a LBP trata-se de um mecanismo através do qual os bombeiros poderão acompanhar melhor todo o processo, monitorizando as diferentes fases e, desejavelmente, irá agilizar atempadamente os pagamentos.

 




Sobre quem enviou a noticia

Sérgio Cipriano

Sérgio Cipriano

Natural de Gouveia e licenciado em Comunicação Multimédia pelo Instituto Politécnico da Guarda. Ingressou nos bombeiros com apenas 13 anos de idade e hoje ocupa o cargo de sub-chefe. É um dos fundadores da Associação Amigos BombeirosDistritoGuarda.com e diretor de informação do portal www.bombeiros.pt, orgão reconhecido pela Entidade Reguladora para a Comunicação Social.