Das universidades para os quartéis de bombeiros

0

bombeiros montijoHá um novo perfil de bombeiros profissionais. E não se reflete apenas na componente física. Há mais de 2000 com formação académica. Tiago Silva e Daniel André deixaram as universidades para fazer dos bombeiros a sua profissão.

O dia no quartel dos bombeiros sapadores de Setúbal começa com duas horas obrigatórias a fazer ginásio e atividades no exterior. À tarde, há mais. Treino cardiovascular, com corrida, abdominais e outros exercícios para combater a barriga. Está provado que o plano é eficaz. O calendário protagonizado pela companhia, que deixou Setúbal na boca dos portugueses e que quebrou tabus, é a prova.

Hoje assina-se o Dia Nacional do Bombeiro Profissional. A data foi escolhida em homenagem aos homens da paz que morreram nos atentados às Torres Gémeas nos Estados Unidos e a todos os outros, de todos os países, que perderam a vida em trabalho.

(Fonte: DN)

 

 




Sobre quem enviou a noticia

Daniel Rocha

Daniel Rocha

Nasceu na Guarda, mas foi em Famalicão da Serra que cresceu e conheceu o mundo dos bombeiros integrando o corpo activo. É Licenciado em Línguas e Literaturas Modernas, variante de Estudos Portugueses, e possui um Curso de Especialização em Ensino de Português como Língua Estrangeira e Língua Segunda (PLELS), ambos na Faculdade de Letras da Universidade de Coimbra (FLUC). Para além da vida de professor, dedica-se a muitas outras actividades, entre as quais o teatro e a escrita, tendo publicado com alguma regularidade desde 2011. A sua ligação e gosto pelo mundo da imprensa levaram-no a ser colaborador da Rádio Altitude (Guarda) e do jornal Notícias de Gouveia (Gouveia).