Combater os fogos – Opinião de Carlos Rodrigues, Diretor-Adjunto do Correio da Manhã

0

DSCN0267Ciclo vicioso instalou-se: sem planeamento florestal nem ações preventivas, os proprietários privados desresponsabilizam-se e o Estado alia falta de meios e má avaliação do problema.

Mal aperta o calor, populações e bombeiros ficam entregues à sua sorte. No passado, houve um governo que quis combater o problema proibindo as televisões de mostrar as chamas.

Este ano, a memória do Bernardo, da Ana Rita, do António e do Pedro, os 4 bombeiros que morreram numa luta desigual, exige uma resposta mais séria. Porque os fogos do ano que vem começam a combater-se agora, ou então será tudo igual.

Outra vez.

FONTE: CM




Sobre quem enviou a noticia

Sérgio Cipriano

Sérgio Cipriano

Natural de Gouveia e licenciado em Comunicação Multimédia pelo Instituto Politécnico da Guarda. Ingressou nos bombeiros com apenas 13 anos de idade e hoje ocupa o cargo de sub-chefe. É um dos fundadores da Associação Amigos BombeirosDistritoGuarda.com e diretor de informação do portal www.bombeiros.pt, orgão reconhecido pela Entidade Reguladora para a Comunicação Social.