“Colocaria toda a gratidão do mundo no sapatinho dos bombeiros”

0

Foto: Álvaro Isidoro/Global Imagens

Miguel Oliveira é uma das personalidade de 2017 escolhida pela TSF para revelar a quem deixava uma prenda no sapatinho, quem se destacou, que acontecimentos mais o marcaram e o que espera para 2018.

Passa o ano a viajar e não viveu de perto o drama dos incêndios. Ainda assim, Miguel Oliveira não tem dúvidas que a deixar uma prenda no sapatinho de alguém, seriam os soldados da paz.

“Eu colocaria uma prenda no sapatinho na casa de todos os bombeiros que ajudaram a combater este ano os incêndios em Portugal. Colocaria toda a gratidão do mundo no sapatinho porque foram sem dúvida os heróis nacionais e tentaram proteger ao máximo e combater esta desgraça que aconteceu em Portugal.”

O jovem piloto português vê como grande momento de 2017 as três vitórias que teve na fase final do campeonato. “O ponto alto da minha carreira até ao momento.” Quanto a personalidade do ano, Miguel Oliveira destaca Cristiano Ronaldo. “Pela sua quinta Bola de Ouro, um feito a nível pessoal que iguala o Lionel Messi. Sem dúvida sendo ele o representante da nossa bandeira neste desporto ao mais alto nível, teria de lhe dar destaque.”

Para 2018, o piloto português espera poder lutar pelo título. “No próximo ano espero poder lutar por posições cimeiras no meu campeonato, ser líder e claramente tentar lutar pelo título e, sobretudo, tentar evoluir a nível pessoal e sem dúvida que com muito trabalho conseguirei atingir os objetivos que pretendo.”

TSF




Sobre quem enviou a noticia

Sérgio Cipriano

Sérgio Cipriano

Natural de Gouveia e licenciado em Comunicação Multimédia pelo Instituto Politécnico da Guarda. Ingressou nos bombeiros com apenas 13 anos de idade e hoje ocupa o cargo de sub-chefe. É um dos fundadores da Associação Amigos BombeirosDistritoGuarda.com e diretor de informação do portal www.bombeiros.pt, orgão reconhecido pela Entidade Reguladora para a Comunicação Social.