Bombeiros feridos em incêndio de Castro Verde permanecem em coma induzido

0

Carlos Carvalho, de 40 anos, e Carlos Heleno, de 29, sofreram queimaduras graves.

Os dois bombeiros da corporação de Cuba que ficaram feridos quando combatiam um fogo em Castro Verde, na segunda-feira, continuavam ontem em coma induzido.

Carlos Carvalho, de 40 anos, está internado no Hospital de São José, em Lisboa, e Carlos Heleno, de 29, no de Santa Maria, com prognóstico reservado devido às graves queimaduras que sofreram.

Os operacionais receberam, na terça-feira, a visita de Marcelo Rebelo de Sousa. O Presidente da República ligou também aos familiares, para lhes dar esperança e ânimo.

Fonte: Correio da Manha

About author

Paulo Reis

É natural e residente em Esmoriz, a sua vida profissional está ligada à indústria automóvel nestes últimos 25 anos como CAD Designer. É um dos fundadores da Rádio Voz de Esmoriz, onde apresentou o programa de rádio “Bombeiros em Missão”. Está ligado desde tenra idade aos Bombeiros de Esmoriz onde fez parte da orquestra do Grupo Cénico e hoje, ocupa o posto de Subchefe. Foi responsável pelo Grupo de Comunicação & Imagem dos BV Esmoriz e integrou a equipa do portal bombeirosdeportugal.com. É o responsável do Departamento de Relações Públicas do portal Bombeiros.pt