Bombeiros do distrito de Leiria recebem equipamentos de combate a incêndios

0

O Grupo Os Mosqueteiros, detentor em Portugal das insígnias Intermarché, Bricomarché e Roady, entregou aos bombeiros portugueses 500 equipamentos de proteção individual de combate a incêndios florestais.

No distrito de Leiria, as corporações dos concelhos de Peniche, Nazará, Marinha Grande, Ansião e Leiria foram contempladas com alguns destes equipamentos, na sequência do sorteio realizado pela Liga dos Bombeiros Portugueses (LBP). Esta oferta surge numa altura em que inúmeros incêndios assolam o país e consequentemente deixam os equipamentos dos bombeiros completamente destruídos.

Os 500 equipamentos de proteção individual agora entregues vêm juntar-se aos 1.250 já doados, perfazendo um total de 1.750 fatos, que correspondem a uma doação superior a um milhão de euros. Os novos equipamentos são constituídos por bota florestal, luvas, cógula, fato de proteção florestal (calças e dólman), capacete e sweatshirt.

Jaime Marta Soares, presidente da LBP, declarou que “numa altura tão problemática para as corporações de Bombeiros como é o verão, os equipamentos agora entregues vão proporcionar melhores condições de trabalho e muito provavelmente salvar a vida de homens e mulheres que estão na linha da frente e em contacto com as chamas”.

Para além da entrega destes 500 equipamentos, o Grupo Os Mosqueteiros, em parceria com a LBP, acaba de lançar o livro infantil “Bombeiro dos pés à cabeça”, cujo valor reverte para a aquisição de equipamentos para os bombeiros. O livro está à venda por 1,99€. O objetivo deste projeto é por um lado sensibilizar e envolver os mais novos para a prevenção dos incêndios e por outro ajudar a angariar fundos para a compra de mais equipamentos de proteção individual de combate a incêndios florestais.

Jornal da Caldas

 




Sobre quem enviou a noticia

Ana Romaneiro

Ana Romaneiro

Nasceu em Évora onde cresceu e estudou. Desde muito cedo que partilha o gosto pela informática, que, a levou a tirar um curso profissional técnico de Gestão de Sistemas Informáticos, profissão que exerce na atualidade. A sua ligação aos bombeiros surge aos 13 anos ao entrar na fanfarra dos Bombeiros de Évora, onde permaneceu até 2013. Na atualidade integra a corporação os Bombeiros de Reguengos de Monsaraz, no posto de bombeira de 2º.