Bombeiros criticam omissão na primeira fase da vacinação contra a Covid-19

0

Liga dos Bombeiros Portugueses observa que o plano de vacinação divulgado “parece esquecer quem tem estado ao longo do país na primeira linha”.

A Liga dos Bombeiros Portugueses (LBP) lamentou esta sexta-feira que os bombeiros “não sejam citados expressamente” como incluídos na primeira fase de vacinação contra a Covid-19.

Em nota informativa, a LBP observa que o plano de vacinação divulgado na quinta-feira, ao não mencionar os mais de 30 mil bombeiros existentes em Portugal, “parece esquecer quem tem estado ao longo do país na primeira linha da resposta à pandemia com esforço e riscos acrescidos associados”.

“O plano de vacinação começa por citar os profissionais de saúde diretamente envolvidos na prestação de cuidados a doentes e os profissionais das forças armadas, forças de segurança e serviços críticos, sem especificar quem são estes últimos e sem ter em conta, em função do número e do risco, o volume de bombeiros inequivocamente associados ao combate à pandemia”, critica a LBP, presidida por Jaime Marta Soares.

No entender da LBP, importa lembrar que os bombeiros, “a par do apoio e socorro a doentes Covid-19, têm continuado a assegurar também o socorro a todas as restantes vítimas de doença súbita e outras situações englobadas no socorro pré-hospitalar, de que são responsáveis em 90% dos casos”.

Portugal contabiliza pelo menos 4803 mortos associados à Covid-19 em 312 553 casos confirmados de infeção, segundo o último boletim da Direção-Geral da Saúde (DGS).

O país está em estado de emergência desde 09 de novembro e até 08 de dezembro, período durante o qual há recolher obrigatório nos concelhos de risco de contágio mais elevado.

Durante a semana, o recolher obrigatório tem de ser respeitado entre as 23h00 e as 05h00, enquanto nos fins de semana e feriados a circulação está limitada entre as 13h00 de sábado e as 05h00 de domingo, e entre as 13h00 de domingo e as 05h00 de segunda-feira.

Fonte: TFS

About author

Paulo Reis

Paulo Reis

É natural e residente em Esmoriz, a sua vida profissional está ligada à indústria automóvel nestes últimos 25 anos como CAD Designer. É um dos fundadores da Rádio Voz de Esmoriz, onde apresentou o programa de rádio “Bombeiros em Missão”. Está ligado desde tenra idade aos Bombeiros de Esmoriz onde fez parte da orquestra do Grupo Cénico e hoje, ocupa o posto de Subchefe. Foi responsável pelo Grupo de Comunicação & Imagem dos BV Esmoriz e integrou a equipa do portal bombeirosdeportugal.com. É o responsável do Departamento de Relações Públicas do portal Bombeiros.pt