70 pessoas evacuadas da sede do ACP em Lisboa

0

ng3568361O edifício do Automóvel Clube de Portugal em Lisboa foi evacuado, ao início da tarde desta terça-feira, por suspeita de danos estruturais.

Fonte do Regimento de Sapadores Bombeiros avançou ao JN que cerca das 16.15 horas estava no local uma equipa da Unidade de Intervenção Territorial (UIT) da Câmara Municipal de Lisboa, a par de elementos do Regimento de Sapadores Bombeiros e da Proteção Civil.

Fonte dos bombeiros explicou ao JN que a situação foi detetada junto à caixa do elevador do imóvel. Uma fenda na parede, que nos últimos dias aumentou consideravelmente, levou os responsáveis do ACP a dar o alerta e solicitar a respetiva vistoria.

Vasco Morgado, presidente da Junta de Freguesia de Santo António, adiantou ao JN que a evacuação do edifício foi uma “medida preventiva” e que só a avaliação dos técnicos ditará o futuro do imóvel, nomeadamente, se há condições para retomar a normal atividade.

A evacuação, coordenada pelos bombeiros com o apoio da PSP, começou cerca das 13.30 horas e decorreu sem incidentes. Na altura estariam umas 70 pessoas no interior do edifício. Ao todo, trabalham ali 120 funcionários, mas, por ser hora de almoço, muitos estavam no exterior.

A obra que esrtá a afetar a sede do ACP decorre no imóvel contíguo, num edifício pertencente à Espírito Santo Property, onde a 1 de agosto um operário morreu soterrado devido a uma derrocada de terras.

Fonte: JN

 




Sobre quem enviou a noticia

Mónica Costa

Mónica Costa

É natural de Tabuaço, licenciada em Comunicação e Relações Económicas e Mestre em Marketing e Comunicação. Foi jornalista na Rádio F até 2013 e apesar de nunca ter estado diretamente ligada ao mundo dos bombeiros, acompanhou sempre com um enorme respeito e admiração o seu trabalho. Na atualidade integra a equipa da Direção informativa do portal bombeiros.pt.