19 incendiários detidos pela Polícia Judiciária

0

Incêndios/Guarda: Terrenos por limpar em redor de casas isoladas e de povoações na “mira” da GNRA Polícia Judiciária deteve ontem um homem de 77 anos suspeito de ter ateado um incêndio florestal na freguesia de Joanes (concelho do Fundão), na passada quinta-feira.

Actuando num quadro de vingança contra um vizinho, o suspeito fabricou um engenho rudimentar que lançou para uma zona de pasto com várias árvores, localizada perto de algumas habitações. O foco de incêndio foi entretanto detectado pelo proprietário do terreno, que o conseguiu extinguir. Ouvido pelo juiz de instrução, o idoso, já reformado, ficou obrigado a apresentar-se a cada 15 dias no posto policial próximo da sua residência e foi proibido de contactar o dono do terreno incendiado.

Este é, desde o início do ano, o 19.º incendiário detido pela Polícia Judiciária.

(Fonte: SOL)

 




Sobre quem enviou a noticia

Daniel Rocha

Daniel Rocha

Nasceu na Guarda, mas foi em Famalicão da Serra que cresceu e conheceu o mundo dos bombeiros integrando o corpo activo. É Licenciado em Línguas e Literaturas Modernas, variante de Estudos Portugueses, e possui um Curso de Especialização em Ensino de Português como Língua Estrangeira e Língua Segunda (PLELS), ambos na Faculdade de Letras da Universidade de Coimbra (FLUC). Para além da vida de professor, dedica-se a muitas outras actividades, entre as quais o teatro e a escrita, tendo publicado com alguma regularidade desde 2011. A sua ligação e gosto pelo mundo da imprensa levaram-no a ser colaborador da Rádio Altitude (Guarda) e do jornal Notícias de Gouveia (Gouveia).