Naufrágio no Mediterrâneo provoca 400 mortos

0

noticia_00025440-580x464Barco Líbio não resistiu à viagem até Itália. Informação sobre acidente é avançada pela ONG Save The Children.

Cerca de 400 pessoas morreram afogadas no Mar Mediterrâneo após o naufrágio do navio onde viajavam. A embarcação fazia a travessia entre Líbia e Itália, não tendo resistido sequer a 24 horas de viagem.

A notícia foi revelada pela Save The Children, graças ao relato de alguns sobreviventes que foram resgatados por outro barco e transportados para o porto italiano de Reggio Calabria.

Segundo a Organização Não-Governamental, existem “muitos jovens do sexo masculino, provavelmente menores de idade” entre as vítimas.

Desde o início do ano, já tinham sido registadas mais de 500 mortes de imigrantes nas águas mediterrânicas, mais 47 do que no mesmo período do ano passado.

Noticias ao minuto

 




Sobre quem enviou a noticia

Sérgio Cipriano

Sérgio Cipriano

Natural de Gouveia e licenciado em Comunicação Multimédia pelo Instituto Politécnico da Guarda. Ingressou nos bombeiros com apenas 13 anos de idade e hoje ocupa o cargo de sub-chefe. É um dos fundadores da Associação Amigos BombeirosDistritoGuarda.com e diretor de informação do portal www.bombeiros.pt, orgão reconhecido pela Entidade Reguladora para a Comunicação Social.