Japão em alerta máximo devido à aproximação do tufão Neoguri

0

ng3437087As autoridades do Japão emitiram, esta segunda-feira, o nível mais elevado de alerta e encaminharam 55 mil pessoas para abrigos devido à aproximação de tufão Neoguri, um dos mais fortes em mais de uma década, do sul do arquipélago.

O alerta máximo representa perigo de vida e risco de danos incomensuráveis devido à previsão de chuvas torrenciais e rajadas de vento de até 250 quilómetros por hora.

A agência meteorológica do Japão emitiu o alerta para a principal ilha de Okinawa, onde vivem perto de 1,2 milhões de pessoas, assim como para as ilhas de Miyako.

“Alertámos todos os 55 mil habitantes de Miyako às 22 horas (14 horas em Portugal continental) para se refugiarem em instalações como centros comunitários e edifícios municipais”, disse o responsável pelas situações de emergência da região, Katsuhiro Koja, à agência noticosa AFP.

A base aérea de Kadena, a maior base da força aérea norte-americana no Pacífico, situada na principal ilha de Okinawa, retirou alguns dos seus aviões e os responsáveis alertaram que o tufão pode ser mortífero.

As ondas poderão atingir os 14 metros, disse um responsável da agência meteorológica, num aviso que faz reavivar memórias do sismo e tsunami de 2011.

O tufão, cujo estatuto foi reduzido de ‘super-tufão’ à medida que se aproximava hoje do arquipélago, estava a cerca de 300 quilómetros a su-sudoeste da base de Kadena às 6 horas (22 horas de segunda-feira em Portugal continental), segundo o centro de alerta para tufões da Marinha dos EUA.

A tempestade dirigia-se para nor-noroeste a cerca de 13 milhas náuticas (24 quilómetros) por hora, acrescentou a mesma fonte.

As rajadas de vento e chuvas torrenciais deverão alcançar a principal ilha do Japão na quarta-feira, informou fonte da agência meteorológica.

FONTE: JN




Sobre quem enviou a noticia

Sérgio Cipriano

Sérgio Cipriano

Natural de Gouveia e licenciado em Comunicação Multimédia pelo Instituto Politécnico da Guarda. Ingressou nos bombeiros com apenas 13 anos de idade e hoje ocupa o cargo de sub-chefe. É um dos fundadores da Associação Amigos BombeirosDistritoGuarda.com e diretor de informação do portal www.bombeiros.pt, orgão reconhecido pela Entidade Reguladora para a Comunicação Social.