Dois edifícios desabam em Palermo e causam quatro mortos

0
Michelle Naccari/EPA

Michelle Naccari/EPA

Dois pequenos edifícios ruíram durante a noite de segunda-feira em Palermo, Sicília, sul de Itália, causando quatro mortos e sete feridos, indicaram os media italianos.

Na noite de segunda-feira (17 de Dezembro), por volta das 24h00, moradores daqueles prédios chamaram os bombeiros, dizendo ouvir ruídos vindos das paredes e recearem as consequências.

Quando chegaram, os bombeiros organizaram a evacuação dos edifícios, mas estes ruíram antes de todos os moradores serem colocados em segurança.

Nos dois edifícios, habitados por oito famílias, apareceram nos últimos tempos numerosas brechas, nomeadamente após a construção de mais um andar num deles há cerca de um ano.

A hipótese de fuga de gás foi excluída pelos investigadores, que privilegiam a de um colapso estrutural. O edifício mais alto desabou primeiro, arrastando o prédio contíguo.

 

Fonte: Correio da Manhã

 




Sobre quem enviou a noticia

luis.andrade

luis.andrade

É natural da Guarda e Licenciado em enfermagem, tendo obtido também uma pós-graduação em Urgência e Emergência Hospitalar e uma pós-licenciatura de Especialização em Enfermagem em Saúde Mental e Psiquiatria. Durante a frequência do curso de licenciatura em enfermagem, colaborou, como voluntário, na delegação da Guarda da Cruz Vermelha Portuguesa. Na atualidade exerce a profissão de enfermeiro no Funchal e integra a corporação dos Bombeiros Madeirenses, onde ocupa o posto de subchefe equiparado.