De heróis de Portugal passamos a bestas de Portugal

12

DSC_0031Caros companheiros,
No dia 15 de Setembro a RTP levou a efeito um espectáculo designado por “Heróis de Portugal”. Muitos bombeiros estiveram presentes nesta homenagem a todos os Bombeiros Portugueses, muitos não puderam estar porque nesse dia havia incêndios florestais para combater e todo o restante serviço que sempre que solicitado tem de haver disponibilidade para o fazer e, portanto, não estiveram presentes.
Muitos testemunhos foram ouvidos por companheiros nossos a nível nacional, elogios aos bombeiros por varias pessoas da sociedade, artistas, apresentadores e jornalistas.
Deixo uma palavra de apresso aos Jornalistas Manuel Alegre Portugal e Fátima Pinto, aos repórteres de imagem Ricardo Calhau e ao Marques de Almeida pelo seu testemunho dado e o cuidado que tiveram muitas vezes em transmitir noticias menos boas sobre os bombeiros. Eles sim, sabem bem por tudo aquilo que passamos. Tentam mostrar em imagens para que todos vejam, mas ainda assim muitas vezes ficam aquém porque em relação ao que captara o que nós vemos na caixa magica, acaba por ser uma pequena amostra.

No dia seguinte já fomos esquecidos, pois já nos querem tirar a única migalha que ainda nos restava, ou seja o tempo de serviço dos voluntários para a nossa reforma. Já nos tiraram as taxas moderadoras, os nossos seguros são aquilo que se sabe, não temos regalias nenhumas mesmo!
Meus amigos e companheiros pensem no que nos estão a fazer!
Somos a força mais barata deste país, sempre prontos 365 dias por ano, 24 horas por dia disponíveis, faça chuva, faça sol, exigem-nos 70 h de formação, 140 h de piquetes e 60h de outros serviços. Nos incêndios florestais recebemos uma migalha de 1,88€/ hora, muitos necessitam da migalha para poderem sobreviver.
Mais uma notícia bombástica no JN “Bombeiros Investigados pela GNR” mais uma a denegrir a nossa imagem… até parece que somos nós os incendiários!
No site da APBV (www.apbv.pt) – “Estatuto Social do Bombeiro” mais uma machadada, mais uma regalia que vai ao ar.

O que dão as nossas famílias, aos nossos filhos, que são as pessoas que mais sofrem quando estamos ausentes, ao serviço da população e ao serviço do país a custo zero?
Quando nos aleijamos e activamos o seguro, que recebemos? Problemas e mais problemas! Será que no final do mês as nossas famílias se alimentam de problemas? Será que os nossos compromissos financeiros são pagos com problemas? Ninguém pergunta aos novos Heróis de Portugal se necessitam de alguma coisa. Pois não, porque somos carne para canhão, aceitamos tudo de sorriso nos lábios e pacificamente! Somos assim… Voluntários, pau para toda a colher e trabalhamos de ”borla”.
Nós não precisamos de homenagens, precisamos sim, que olhem por nós. Que nos defendam, que zelem por nós e pelas nossas famílias…
Heróis… E se um dia os Heróis de Portugal parassem! Não fossem, ficassem em casa com a família… não respondessem a pedidos de socorro, o que iria acontecer?
Se calhar aconteceria muita coisa e muita coisa mudava.

Foi preciso morrerem 8 companheiros este ano e a época de fogos ainda não acabou (que não aconteça mais nada a ninguém) para se lembrarem que nós existimos.
Para se dizer que é necessário EPI, toda a gente sabe desta situação, alguém quer dizer o contrário? Alguém me quer dizer que é mentira?
Aos anos que se fala nos fardamentos! Quando viram outra força com EPI’s topo de gama, ai jesus, que são estes são aqueles! Se calhar tudo isto aconteceu por culpa de alguém… ora pensem lá um bocadinho. Oh senhores, responsáveis pelos bombeiros, não estou eu a dizer a verdade? Ou será mentira? Estarei eu equivocado? Não, não estou!
Se esta tragedia não tivesse acontecido, não se lembravam de nós como sempre aconteceu e acontecerá!

Mas os que se dizem nossos representantes, nossos defensores e governantes o que fazem, por nós? Nada! Como dizia o Ricardo Araujo Pereira falam, falam, falam mas não fazem nada! É que palavras, leva-as o vento companheiros. E nunca farão! Porque se calhar valores mais altos se levantam para outros interesses e de palmadinhas nas costas estamos nós fartos.
Aos portugueses em geral, obrigado, por mais uma vez confiarem nos bombeiros, assim diz a estatística, os portugueses confiam sempre nos seus bombeiros por mais um ano consecutivo! Nisso estamos sempre em 1º! Ao menos uma coisa positiva sobre nós.

Tudo contínua como dantes aliás podemos dizer que regredimos e muito!
Esta na hora de pensarmos em nós e sermos unidos!
Esta na hora de pensarmos em nós e nas nossas famílias!
Esta na hora de dizer basta a tanta hipocrisia!
Esta na hora de lutarmos por nós, pelos nossos direitos e regalias! (se tiverem medo perguntem como se faz, aos bombeiros espanhóis e aos franceses, eles já mostram ao mundo como se faz).
Está na hora de seremos respeitados e termos dignidade!
Está na hora de dizer basta!
Vejam o que nos estão a fazer, aos Bombeiros de Portugal, que um dia são heróis e no outro dia são umas bestas!

 

Paulo Reis

Administrador Bombeiros.pt
Relações Públicas, Eventos & Publicidades

 

 




Sobre quem enviou a noticia

Sérgio Cipriano

Sérgio Cipriano

Natural de Gouveia e licenciado em Comunicação Multimédia pelo Instituto Politécnico da Guarda. Ingressou nos bombeiros com apenas 13 anos de idade e hoje ocupa o cargo de sub-chefe. É um dos fundadores da Associação Amigos BombeirosDistritoGuarda.com e diretor de informação do portal www.bombeiros.pt, orgão reconhecido pela Entidade Reguladora para a Comunicação Social.