BOMBEIROS E OS ’HOMENS DA BOMBA’

0

Gisela graçaBasta estar um pouco mais atento às notícias para ouvirmos com alguma frequência: bombeiros salvam cão; bombeiros socorrem num acidente de viação; bombeiros transportam vítima de ataque cardíaco; bombeiros enfrentam chamas em incêndio no norte do país… seja qual for a situação, os bombeiros estão presentes.

Mas, o que significa, etimologicamente, a palavra ‘bombeiro’? Em inglês, o bombeiro é chamado o “homem do fogo”, fireman, o profissional que elimina o fogo. Porém, em português, a palavra “bombeiro” deriva de “bomba”, máquina para fazer fluir a água em determinada direção. O bombeiro sabe bombear a água sobre as chamas. Talvez por isso durante muitos anos, quer a população, quer os próprios bombeiros a atividade de apagar fogos como a sua única e exclusiva função.

Ainda hoje me cruzo com alguns bombeiros que pensam dessa forma e afirmam convictos: «a nossa função apagar incêndios. Nada mais!». Felizmente que quem pensa assim está em número reduzido. Apesar da pouco abrangência do significante da palavra, o seu significado é muito mais lato. Os Bombeiros já não são os «Homens da Bomba». São homens e mulheres que de forma abnegada vencem adversidades, salvam vidas, enfrentam os perigos, correm riscos. E quando alguém pede socorro eles são os primeiros a chegar e os primeiros a dizer: Presente!

Gisela Oliveira

 




Sobre quem enviou a noticia

Sérgio Cipriano

Sérgio Cipriano

Natural de Gouveia e licenciado em Comunicação Multimédia pelo Instituto Politécnico da Guarda. Ingressou nos bombeiros com apenas 13 anos de idade e hoje ocupa o cargo de sub-chefe. É um dos fundadores da Associação Amigos BombeirosDistritoGuarda.com e diretor de informação do portal www.bombeiros.pt, orgão reconhecido pela Entidade Reguladora para a Comunicação Social.