Bombeiros exigem fardamentos da mesma cor dos GIPS e dos Sapadores bombeiros.

2

Sem Título-1“A missão é a mesma mas os fardamentos são diferentes.“ É desta forma crítica, que o Presidente da Associação Portuguesa dos Bombeiros Voluntários (APBV), iniciou as suas declarações ao «Boca» d’Incêndio.

Recentemente os bombeiros sapadores mudaram a cor do seu fardamento para a cor usada pelos GIPS da GNR, tal facto, segundo apurou o «Boca» d’Incêndio, o novo fardamento dos sapadores bombeiros está a gerar indignação nas instituições que defendem os bombeiros voluntários, dado que, todos têm o mesmo objetivo mas todos querem distância dos homens de vermelho.

Contatado pelo «Boca» d’Incêndio, Rui Silva da (APBV) afirma que já marcou uma audiência com o secretário de estado da proteção civil para discutir este assunto, dado que, não compreende o porquê da cor dos bombeiros Sapadores ser igual à dos Gips, referindo que: “se for para se distanciarem dos bombeiros voluntários não vão conseguir” afirmou o representante da instituição que ameaçou “vou recorrer da amizade partidária que tenho com o Secretário de Estado para colocar isto em pratos-limpos.”

Já Jaime Marta Soares, presidente da liga dos bombeiros portugueses, afirma que ”o vermelho sempre foi a cor que identificou os bombeiros portugueses” referindo “não compreendo porque é que uns mudaram para amarelo canário, outros para café com leite…” tendo tempo ainda para ironizar “…e se amanhã os bombeiros decidirem mudar para cor-de-rosa?”

Jaime Marta Soares referiu que na reunião de hoje com o presidente da republica em Belém, foi discutido este assunto “… o presidente da republica sugeriu que os bombeiros tivessem todos o mesmo uniforme, até por forma a criar uma identidade”.

Fernando Curto, presidente da Associação humanitária dos bombeiros de Carnaxide e curiosamente Presidente da Associação Nacional dos Bombeiros Profissionais, referiu que, os bombeiros voluntários têm que ser diferenciados dos bombeiros profissionais, dado que, uns são mais profissionais que outros e não entende as afirmações dos dirigentes indignados.

O «Boca» d’Incêndio tentou contactar a ANPC sobre o referido assunto, mas, recebeu apenas a seguinte resposta automática:

A sua mensagem foi recebida por estes serviços.
Em breve (possivelmente nunca!) receberá uma resposta às questões que nos colocou.
Caso se trate de um assunto urgente (se for ministro, deputado ou outra qualquer pessoa importante), solicitamos que nos contate através do número geral 21 424 71 00.
Autoridade Nacional de Protecção Civil
Núcleo de Sensibilização, Comunicação e Protocolo.

 

 




Sobre quem enviou a noticia

«Boca» d’ Incêndio

«Boca» d’ Incêndio

A «Boca» d’ Incêndio é o nome que intitula uma rubrica humorista do portal bombeiros.pt. Jornalistas e bombeiros desenvolvem semanalmente notícias humorísticas que “esmiúçam” os bastidores do mundo dos Bombeiros Portugueses e da Proteção Civil. Apesar de devidamente identificada como «Boca» d’ Incêndio, esta rubrica leva a que alguns dos nossos leitores acreditem no seu conteúdo, derivado à proximidade das notícias com a realidade. No entanto, todas as notícias publicadas na «Boca» d’ Incêndio são puramente ficcionais ou não e não pretendem mais do que trazer sorrisos e bom humor ao universo dos Bombeiros Portugueses e da Proteção Civil. Sorria e esteja atento às madrugadas de Sábado, no momento em que a «Boca» d’ Incêndio jorrará!