Vírus Ébola

0

Ebola virusOs documentos que se seguem são materiais informativos da Direcção Geral de Saúde sobre o vírus Ébola.

A doença por vírus Ébola trata-se de uma doença grave rara, frequentemente mortal, causada pelo vírus Ébola.

É transmitida por contacto direto com o sangue ou outros fluidos corporais (como saliva, urina e vómito) de pessoas infetadas, mortas ou vivas. Pode ser transmitida por contacto sexual não protegido com doentes até três meses depois de estes terem recuperado da doença.

A doença pode também ser contraída por contacto direto com sangue e outros fluidos corporais de animais selvagens infetados, mortos ou vivos, como macacos, antílopes e morcegos.

Passados dois dias e até 21 dias após a exposição ao vírus, a doença pode manifestar-se subitamente, com febre, dores musculares, debilidade, dores de cabeça e dores de garganta.

A fase seguinte da doença carateriza-se por vómitos, diarreia, manchas na pele e insuficiência hepática e renal. Alguns doentes apresentam igualmente hemorragias internas e externas abundantes e insuficiência de vários órgãos.

Ebola intervecaoNão há qualquer vacina licenciada ou tratamento específico para a doença, o que por sua vez todas as orientações transmitidas pelas entidades de referência, devem ser tomadas em máxima conta.

 

Salientam-se como materiais informativos:

     Procedimentos a adotar pelos Serviços de Saúde

     Equipamentos de proteção individual para agentes biológicos de tipo 4

     Procedimentos de vigilância de viajantes durante um voo antes do embarque ou após o desembarque

     Procedimentos de vigilância de viajantes por via marítima

     Procedimentos laboratoriais para Hospitais de Referencia e INSA

     Recomendações para viajantes da DGS/ECDC

 




Sobre quem enviou a noticia

luis.andrade

luis.andrade

É natural da Guarda e Licenciado em enfermagem, tendo obtido também uma pós-graduação em Urgência e Emergência Hospitalar e uma pós-licenciatura de Especialização em Enfermagem em Saúde Mental e Psiquiatria. Durante a frequência do curso de licenciatura em enfermagem, colaborou, como voluntário, na delegação da Guarda da Cruz Vermelha Portuguesa. Na atualidade exerce a profissão de enfermeiro no Funchal e integra a corporação dos Bombeiros Madeirenses, onde ocupa o posto de subchefe equiparado.