Psicologia da Saúde Ocupacional dos Bombeiros Portugueses

0

Psicologia da saude ocupacional dos bombeiros portuguesesA Dissertação que se segue foi desenvolvida no cumprimento dos requisitos necessários à obtenção do grau de Doutoramento em Psicologia na Área de Especialização em Psicologia Social, da Faculdade de Psicologia, da Universidade de Lisboa.

Esta foi realizada por Rui Pedro Castela Pacheco Almeida Ângelo, sob a orientação científica da Professora Doutora Maria José Chambel.

Este projeto insere-se na psicologia da saúde ocupacional, a qual corresponde ao ramo da psicologia que visa promover a qualidade de vida no trabalho, bem como proteger e promover a segurança, a saúde e bem-estar dos trabalhadores. A sua implementação foi efetuada em estreita articulação com o Núcleo de Segurança e Saúde da Autoridade Nacional de Protecção Civil, e com o contributo da Escola Nacional de Bombeiros.

Os participantes nos estudos são bombeiros portugueses, que desempenham funções de socorro com vínculo profissional, em Corpos de Bombeiros Voluntários, Municipais e Sapadores, nos 18 distritos de Portugal Continental e da Força Especial de Bombeiros “Canarinhos”.

Psicologia da Saúde Ocupacional dos Bombeiros Portugueses: O papel das exigências e recursos profissionais na promoção do bem-estar psicológico

Os trabalhos académicos e científicos apresentam uma contribuição fundamental para o desenvolvimento da ciência e influenciam as instituições para uma mudança nas suas atividades.

About author

luis.andrade

luis.andrade

É natural da Guarda e Licenciado em enfermagem, tendo obtido também uma pós-graduação em Urgência e Emergência Hospitalar e uma pós-licenciatura de Especialização em Enfermagem em Saúde Mental e Psiquiatria. Durante a frequência do curso de licenciatura em enfermagem, colaborou, como voluntário, na delegação da Guarda da Cruz Vermelha Portuguesa. Na atualidade exerce a profissão de enfermeiro no Funchal e integra a corporação dos Bombeiros Madeirenses, onde ocupa o posto de subchefe equiparado.