Factores Motivacionais que Influenciam o Desempenho do Enfermeiro no Pré-Hospitalar

0

Factores Motivacionais que Influenciam o Desempenho do Enfermeiro no Pre-HospitalarO Trabalho que se segue foi desenvolvido como parte dos requisitos para a obtenção do grau de Licenciatura em Enfermagem, na Universidade Fernando Pessoa.

Esta foi realizada por Rui Miguel Pinto Alves, sob a orientação científica do Professora Enf.º Domingos Coelho.

Este trabalho procura saber em que medida os enfermeiros do Pré-Hospitalar se encontram motivados ou desmotivados no desempenho das suas funções e percecionar qual ou quias os fatores motivacionais e/ou desmotivacionais que mais influenciam o desempenho dos enfermeiros no Pré-Hospitalar.

O desenvolvimento do presente documento está estruturado em quatro capítulos: os dois primeiros dizem respeito à fase conceptual, o terceiro capítulo compreende a fase metodológica e o quarto capítulo, que diz respeito à fase empírica, é feita a análise dos dados e apresentada a discussão dos resultados.

Factores Motivacionais que Influenciam o Desempenho do Enfermeiro no Pré-Hospitalar

Os trabalhos académicos e científicos apresentam uma contribuição fundamental para o desenvolvimento da ciência e influenciam as instituições para uma mudança nas suas atividades.

About author

luis.andrade

luis.andrade

É natural da Guarda e Licenciado em enfermagem, tendo obtido também uma pós-graduação em Urgência e Emergência Hospitalar e uma pós-licenciatura de Especialização em Enfermagem em Saúde Mental e Psiquiatria. Durante a frequência do curso de licenciatura em enfermagem, colaborou, como voluntário, na delegação da Guarda da Cruz Vermelha Portuguesa. Na atualidade exerce a profissão de enfermeiro no Funchal e integra a corporação dos Bombeiros Madeirenses, onde ocupa o posto de subchefe equiparado.