Pombal – Bombeiros do concelho com benefícios sociais

0

O Municípipombalo de Pombal aprovou, por unanimidade, a atribuição de um conjunto de benefícios sociais aos bombeiros existentes no concelho.

Esta vontade da autarquia pombalense recorde-se, já tinha sido anunciada por Diogo Mateus, presidente da Câmara Municipal, no decorrer da cerimónia oficial que assinalou as comemorações dos 104 anos de vida da Associação Humanitária dos Bombeiros Voluntários de Pombal, ocorrida há poucos dias.

Agora, o executivo municipal confirmou esse anúncio de Diogo Mateus, confirmando-o, de forma unânime, em recente reunião, com a proposta aprovada a prever que o Município “suporte os encargos com contratos de seguro de acidentes pessoais dos Bombeiros, o apoio jurídico em processos com origem em factos ocorridos em serviço, a prioridade, em igualdade de condições, na atribuição de habitação social promovida ou sob administração do Município e atribuição de um apoio financeiro análogo aos atribuídos aos beneficiários do Escalão A (famílias carenciadas) para aquisição de livros e demais material escolar”.

Mas a referida proposta contém, ainda, mais algumas regalias, nomeadamente, a “possibilidade do pagamento das cotas da Associação Humanitária nas Juntas de Freguesia do concelho, o acesso gratuito em iniciativas de carácter desportivo e culturais promovidas pelo Município, o acesso gratuito às Piscinas Municipais, a atribuição de passe mensal gratuito na Rede de Transportes Públicos Pombus, a atribuição de uma bolsa de estudos mensal (75 euros) a filhos de bombeiros falecidos em serviço ou com doença contraída no exercício de funções, até à conclusão do secundário e a isenção do pagamento da taxa de recolha de resíduos sólidos urbanos”.

As isenções no “pagamento do ramal de ligação à rede pública de saneamento e de abastecimento de água destinada a habitação própria permanente do bombeiro” e nas taxas “correspondentes às licenças administrativas para realização de operações urbanísticas de construção, ampliação, reconstrução e beneficiação de habitação própria permanente, desde que o imóvel mantenha, com essa finalidade, pelo período mínimo de três anos”, são outros benefícios agora atribuídos aos “soldados da paz” pombalenses.

Segundo o Município de Pombal, com a aprovação desta proposta, é reconhecido “o esforço, a entrega e a dedicação que estes homens e mulheres prestam à população”.

Fonte: Rádio Pombal 97 Fm

Sobre o autor

Ana Romaneiro

Ana Romaneiro

Nasceu em Évora onde cresceu e estudou. Desde muito cedo que partilha o gosto pela informática, que, a levou a tirar um curso profissional técnico de Gestão de Sistemas Informáticos, profissão que exerce na atualidade. A sua ligação aos bombeiros surge aos 13 anos ao entrar na fanfarra dos Bombeiros de Évora, onde permaneceu até 2013. Na atualidade integra a corporação os Bombeiros de Reguengos de Monsaraz, no posto de bombeira de 2º.