Bombeiros de Trancoso recebem equipamentos por parte do Intermarché

0

bvt8Na tarde desta quinta-feira, 3 de outubro, nas instalações do Intermarché, os Bombeiros Voluntários de Trancoso receberam 5 equipamentos individuais de trabalho, sendo cada um constituído por bota florestal, luvas, cógula, fato de proteção florestal (Calças e Dólman), capacete e sweatshirt.

A campanha de responsabilidade social do Grupo Os Mosqueteiros, que detém em Portugal as insígnias Intermarché, Bricomarché e Roady, conseguiu angariar este ano 500 equipamentos de proteção individual de combate a incêndios florestais que estão agora a ser distribuídos a 100 corporações de bombeiros voluntários a nível nacional.

bvt5Em parceria com a Liga dos Bombeiros Portugueses, o Grupo desenvolveu um livro infantil “As Profissões de um Bombeiros” com o objetivo de sensibilizar e envolver os mais novos na causa dos bombeiros e em simultâneo angariar fundos para a compra de equipamentos de proteção individual de combate a incêndios florestais. Segundo o Presidente da Liga dos Bombeiros Portugueses, “a renovação destes equipamentos é fundamental para a segurança dos nossos Bombeiros”.

bvtO livro “As Profissões de um Bombeiro esteve à venda nas 306 lojas do Grupo Os Mosqueteiros entre 25 de Julho e 31 de Agosto. A campanha solidária contou este ano com o apoio de Manuel Luís Goucha e Isabel Silva que, enquanto embaixadores, contribuíram para a divulgação do livro.

Durante a entrega dos equipamentos Paula Gomes, proprietária da loja de Trancoso fez questão de sublinhar: “Esta é uma iniciativa que nos enche a todos de orgulho. Num ano em que o país foi particularmente massacrado pelos incêndios florestais, com a venda do livro infantil “As profissões de um Bombeiro” conseguimos mostrar aos mais novos a importância que estes profissionais têm na comunidade e simultaneamente angariar os fundos necessários para melhorar a segurança dos bombeiros portugueses.”

Fonte: magazineserrano.pt

 

Sobre o autor

Ana Romaneiro

Ana Romaneiro

Nasceu em Évora onde cresceu e estudou. Desde muito cedo que partilha o gosto pela informática, que, a levou a tirar um curso profissional técnico de Gestão de Sistemas Informáticos, profissão que exerce na atualidade. A sua ligação aos bombeiros surge aos 13 anos ao entrar na fanfarra dos Bombeiros de Évora, onde permaneceu até 2013. Na atualidade integra a corporação os Bombeiros de Reguengos de Monsaraz, no posto de bombeira de 2º.