Três bombeiros “indispostos”, um deles hospitalizado

0

Três bombeiros que estão a combater um incêndio na zona de Seia sentiram-se “indispostos” e um deles teve necessidade de ser transportado para o hospital, disse à Lusa o comandante distrital operacional da Guarda, José Oliveira.

De acordo com o responsável, que está no terreno a comandar as operações de combate ao incêndio, os bombeiros sentiram “má disposição”, alegadamente causada por “cansaço” ou por “inalação de fumos”.

Os bombeiros que se sentiram mal são das corporações de Almeida, Vila Nova de Tazem e Loriga e já foram retirados do local do incêndio para receberem assistência, sendo que “pelo menos um deles foi transportado para o hospital”.

Um incêndio de grandes proporções que lavra em três frentes no concelho de Seia configura uma “situação difícil”, com as chamas a progredirem em direção a aldeias, disse à agência Lusa o presidente da câmara.

Segundo a Autoridade Nacional de Proteção Civil as chamas estão a ser combatidas por 253 operacionais, auxiliados por 54 viaturas e um helicóptero.

FONTE: JN

 

Sobre o autor

Sérgio Cipriano

Sérgio Cipriano

Natural de Gouveia e licenciado em Comunicação Multimédia pelo Instituto Politécnico da Guarda. Ingressou nos bombeiros com apenas 13 anos de idade e hoje ocupa o cargo de sub-chefe. É um dos fundadores da Associação Amigos BombeirosDistritoGuarda.com e diretor de informação do portal www.bombeiros.pt, orgão reconhecido pela Entidade Reguladora para a Comunicação Social.