Relatório sobre incêndios no Algarve resume-se à descrição de factos

0

Imagem: Lusa –

O relatório entregue ontem ao ministro da Administração Interna sobre os incêndios do mês passado no Algarve resume-se a uma descrição dos factos. De acordo com o jornal Público, o documento não mostra quaisquer conclusões nem apresenta uma avaliação crítica sobre o desempenho dos profissionais que combateram as chamas durante quatro dias. O PS exige esclarecimentos ao Governo sobre o relatório.

 Uma fonte da Protecção Civil disse ao jornal Público que não faz sentido fazer uma auto-avaliação, por isso não podem tirar conclusões.

A 23 de julho quando Miguel Macedo pediu o relatório com a análise dos meios humanos e materiais envolvidos, disse que o mesmo “tinha de servir para tirar conclusões para o futuro e anotar imperfeições, a começar por aqueles que têm responsabilidade técnica”.

O conteúdo do relatório só deve ser conhecido na próxima semana.

Entretanto, segunda-feira, o PS vai entregar um requerimento na Assembleia da República para ouvir Miguel Macedo e exigir a divulgação do relatório.

Fonte: SIC

Sobre o autor

Sérgio Cipriano

Sérgio Cipriano

Natural de Gouveia e licenciado em Comunicação Multimédia pelo Instituto Politécnico da Guarda. Ingressou nos bombeiros com apenas 13 anos de idade e hoje ocupa o cargo de sub-chefe. É um dos fundadores da Associação Amigos BombeirosDistritoGuarda.com e diretor de informação do portal www.bombeiros.pt, orgão reconhecido pela Entidade Reguladora para a Comunicação Social.